Lance


O árbitro mineiro Igor Junio Benevenutto decidiu ajudar na luta contra o coronavírus. Em meio à paralisação do futebol por causa da pandemia, ele passou a dar plantão na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade de Sete Lagoas (MG). Benevenutto concluiu a faculdade de enfermagem em 2012 e atua na UPA no turno da noite, das 19h às 7h.

Leia também: Médico de clube francês comete suicídio após testar positivo para Covid-19

coronavirus arrow-options
Reprodução
Árbitro contribui como coronavírus c



- Estou contribuindo com o meu tempo, meu conhecimento técnico na área e meu talento. Acredito que ajudar o próximo é ajudar a si mesmo também. E a enfermagem é, justamente, esta arte de cuidar e ter atenção com o próximo, ajudar a salvar vidas e melhorar a condição de outras pessoas - disse o árbitro ao site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A CBF concedeu auxílio financeiro aos árbitros durante a pausa no futebol. Benevenutto afirma que esta iniciativa foi importante para sair de casa e contribuir na luta contra o coronavírus.

Leia também: Mãe de Pep Guardiola morre após contrair coronavírus

- A CBF conseguiu este apoio fundamental aos árbitros através do Presidente Rogério Caboclo e de todos da Comissão de Arbitragem. A partir deste momento, comecei a pensar em como eu poderia demonstrar a minha gratidão - comentou.

Mesmo longe do apito, o árbitro explica que vem mantendo a forma com exercícios e uma rotina de descanso, respeitando intervalos de horas.

- Eu saio às 7h da manhã da UPA e vou dormir quando chego em casa para descansar. Acordo por volta das 11h e acompanho os testes online sobre a regra com o Gaciba (Leonardo, presidente da Comissão de Arbitragem da CBF), faço as atividades físicas aqui em casa acompanhando o que os nossos preparadores passam e estou sempre em contato com a Dr. Marta (Magalhães, psicóloga da Comissão de Arbitragem) através das chamadas de vídeo. Tenho usado o período da tarde para essas coisas. Então, dá para estudar, ler e treinar fisicamente para manter o ritmo e deixar tudo em ordem para quando os campeonatos voltarem – acrescenta.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

      Mostrar mais