A Fundação Fraternidad Angelical, que levou Ronaldinho Gaúcho para uma visita promocional em Assunção, no Paraguai, representada pela empresária Dalia Angélica López Troche, não está registrada na Secretaria de Prevenção à Lavagem de Dinheiro ou Propriedade (Seprelad) do país. É o que afirmou o titular da pasta, Carlos Arregui, à rádio "ABC Cardinal".

Leia também: Ronaldinho e Assis não serão acusados pelo MP do Paraguai

ronaldinho arrow-options
Reprodução
Ronaldinho Gaúcho


Ronaldinho foi detido com documentos falsificados, assim como seu irmão, Roberto de Assis Moreira, ao chegar no Paraguai para o lançamento de um programa social destinado a crianças organizado pela Fundação Fraternidade Angelical. O ex-jogador também foi fazer um evento de lançamento do seu livro "Gênio da vida". Dalia López Troche foi uma das responsáveis por essa vinda.

Leia também: Advogado de Ronaldinho Gaúcho no Paraguai diz: "Ele está chocado"

"Embora esta fundação não esteja registrada em Seprelad, as instituições têm uma obrigação administrativa de se registrar. Alertas do setor financeiro devem ser ativados", avisou Arregui, que não foi confirmou e nem descartou (é impedido por lei) a informação se a instituição citada foi ou não processada por algum crime.

O chefe da pasta disse que, de acordo com o artigo 32 da Lei paraguaia, ele não pode dizer se há ou não uma investigação em torno da empresária ou da fundação. Ele apenas disse que "todos os alertas funcionam". Arregui explicou que todas as transações das fundações devem ser feitas através do sistema financeiro, ou seja, dos bancos.

O titular da Secretaria de Prevenção à Lavagem de Dinheiro fez as mesmas declarações sobre o empresário Nelson Luiz Belotti Dos Santos, outro que também contratou os serviços de Ronaldinho para a inauguração de um cassino em Lambaré chamado "Il Palazzo".

Leia também: Ronaldinho sorri em foto com policial ao depor sobre passaporte falso

Belotti dos santos está ligado a casos de corrupção política e pagamento de suborno no Brasil. Nesse sentido, Arregui explicou que não pode dar declarações sobre bolsos específicos.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

      Mostrar mais