Lance


Torcida do Corinthians arrow-options
Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Torcida do Corinthians

Antes do jogo do Corinthians da noite desta quarta-feira, contra o Santo André, em sua arena, as principais torcidas organizadas do clube fizeram um protesto na porta do CT Joaquim Grava, cobrando principalmente a diretoria alvinegra.

Os nomes do presidente Andrés Sanchez, de Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol, e Vilson Menezes, gerente de futebol, foram citados pelos torcedores, que cobraram especialmente sobre o planejamento e os gastos do Corinthians.

O único jogador cobrado nos protestos desta tarde foi o meia-atacante Luan, o principal reforço do Timão para a temporada. O treinador do time também foi lembrado pelas organizadas, com os gritos de 'Tiago Nunes, presta a atenção! Muito respeito com a camisa do Timão'.

Aproximadamente 150 torcedores, das organizadas Pavilhão 9, Gaviões da Fiel, Coringão Chopp e Estopim da Fiel marcaram a presença no protesto, que foi totalmente pacífico e sem confusões. Os líderes das torcidas conversaram com a Polícia Militar antes do protesto, que estava presente com quatro veículos.

    Veja Também

      Mostrar mais