Tamanho do texto

Meio-campista teve um ano de 2019 recheado de polêmicas dentro e, principalmente, fora de campo

Thiago Neves, meia do Cruzeiro arrow-options
Twitter / Reprodução
Thiago Neves, meia do Cruzeiro

O fim de ano do Cruzeiro continua agitado fora de campo. O novo problema que a Raposa irá enfrentar é com o meia Thiago Neves . O jogador entrou com ação na Justiça do Trabalho contra o clube mineiro cobrando R$ 16 milhões. 

O processo na Justiça do Trabalho está sob segredo de justiça, o que inviabiliza o acesso da reportagem aos documentos que detalham a ação. O staff do jogador não se pronunciou sobre o caso. 

Thiago Neves teve um 2019 recheado de polêmicas dentro e principalmente fora de campo, sendo visto pelo torcedor como um dos principais símbolos, senão o principal,da temporada fracassada do time no ano, culminando no rebaixamento do Cruzeiro à Série B do Campeonato Brasileiro. 

O meio-campista está em alto nível de desgaste com a torcida pelos maus momentos em campo, mas após a perda de um pênalti na partida contra o CSA e ser flagrado em uma festa no Mineirão, o “caldo entornou” e seu prestígio de campeão pelo clube foi “pelo ralo”, gerando seu afastamento do elenco estrelado.

Thiago Neves jogou as partidas finais que confirmaram a queda da Raposa , mas disse, em entrevista recente que toparia reduzir o salário para jogar a segunda divisão, mas parece ter mudado de ideia quanto ao desprendimento em relação ao time azul, ao acionar a Justiça. 

O meia tem contrato com o time mineiro até dezembro de 2020, com uma cláusula de renovação automática até 2021, caso ele dispute 42 jogos na próxima temporada.

Thiago Neves está no Cruzeiro desde 2017. Com a camisa azul fez 151 jogos, marcando 41 gols, vencendo duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e dois títulos do Campeonato Mineiro (2018 e 2019).