Tamanho do texto

Entre os quatro semifinalistas, o Al-Hilal é o que tem o valor mais baixo, perdendo até para o Monterrey, do México

Flamengo tem o segundo elenco mais caro da semifinal do Mundial arrow-options
Alexandre Vidal / Flamengo
Flamengo tem o segundo elenco mais caro da semifinal do Mundial

O Flamengo vai estrear no Mundial de Clubes nesta terça-feira, às 14h30 (de Brasília), contra o Al-Hilal, da Arábia Saudita. A diferença entre os dois clubes não está apenas tecnicamente em campo, como também em valores de mercado.

Com o segundo elenco mais caro da competição de 2019, que é disputada no Catar, o Flamengo custa 145,3 milhões de euros (cerca de R$ 661,46 milhões), de acordo com o site Transfermakt , que é especializado em finanças do futebol.

Já o Al-Hilal , que foi comandado por Jorge Jesus em 2018, tem um custo de mercado três vezes e meio menor do que o Flamengo, já que vale 45,6 milhões de euros no mercado atual (cerca de R$ 208 milhões).

Entre os quatro semifinalistas, o time árabe é o que tem o valor mais baixo, perdendo até para o Monterrey, do México, que custa 84,1 milhões de euros (cerca de R$ 382,85 milhões). Rival do plantel mexicano, o Liverpool é o clube mais caro dessa edição do Mundial, valendo 1,18 bilhão de euros (cerca de R$ 5,37 bilhões).

Semifinais do Mundial de Clubes:

17/12
Flamengo x Al-Hilal - 14h30 - Estádio Internacional Khalifa

18/12
Liverpool x Monterrey - 14h30 - Estádio da Cidade da Educação