O goleiro Bruno, condenado pela morte de Eliza Samúdio, vai voltar aos gramados no próximo sábado (05), quando estreia pelo Poços de Caldas, que disputará a 3ª divisão do campeonato Mineiro no próximo ano. O clube anunciou a contratação do atleta, mas ainda precisava da autorização do juiz, concedida na noite da última quarta-feira (02).

Leia também: Goleiro Bruno consegue autorização da Justiça e tem data para voltar ao futebol

Goleiro Bruno posa com a camisa do Poços de Caldas
Divulgação/Poços de Caldas FC
Goleiro Bruno posa com a camisa do Poços de Caldas


Após o anuncio da contratação do goleiro Bruno , o Instagram oficial do Poços de Caldas foi atacado por diversas pessoas. "Time de bandido", "A mídia para vocês é mais importante que a vida", "Time de assassino", "Time lixo, vergonha", foram alguns dos comentários na última foto da clube na rede social.

Leia também: Goleiro Bruno fala pela 1ª vez após ser contratado por time mineiro; assista

Você viu?



Em regime semiaberto, Bruno mora na cidade de Varginha , a mais de 150 km de Poços de Caldas, e precisará solicitar autorização da Justiça sempre que for sair da cidade para disputar uma partida.

Contratado pelo clube desde agosto, o atleta vem treinando em uma academia de sua cidade para manter a forma física. Como o time não está em nenhuma competição oficial, Bruno vai disputar apenas amistosos até 2020, quando vai jogar a terceira divisão do Campeonato Mineiro.

goleiro Bruno  cumpre pena de 20 anos e nove meses pelo assassinato de Eliza Samúdio, em 2010. Desde julho, o jogador está em regime semiaberto, que o autoriza a trabalhar durante o dia, tendo que estar em casa até às 20h.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários