Tamanho do texto

Mancini assumiria o time na partida contra o Flamengo, no próximo sábado (28), no Maracanã, mas clube anunciou a contratação de Fernando Diniz

Lance

Pouco depois de o São Paulo anunciar a contratação de Fernando Diniz como novo técnico, Vagner Mancini pediu demissão e não é mais o coordenador técnico da equipe. Antes da contratação para o cargo vago, ele assumiria o time contra o Flamengo, neste sábado, no Maracanã. Diante da novidade, ele decidiu deixar o Tricolor e soltou comunicado oficial sobre a decisão.

Leia também: Fernando Diniz é o novo técnico do São Paulo: "Faremos um grande trabalho"

Vagner Mancini arrow-options
Site oficial
Vagner Mancini



"Acredito, como coordenador, que a diretoria do São Paulo Futebol Clube deve estar livre na tentativa de recuperação do time e do clube para alcançar resultados que a torcida espera e merece. Por isso, comunico meu desligamento do São Paulo. Desejo tranquilidade e leveza no desafio de uma reestruturação e no trabalho da nova comissão técnica", disse Vagner Mancini .

Leia também: Datena crava Dorival Junior como novo técnico do São Paulo ao vivo na Band

"Trabalhar no São Paulo foi um orgulho e honra para mim. Assumir uma nova função foi um grande desafio. Contribui ao máximo para desenvolver uma boa gestão e garantir integração e o bom funcionamento entre os setores do clube. Depois de nove meses de trabalho, me orgulho da oportunidade de ter estado a frente deste grande clube em nove jogos e levar o time a uma final de Campeonato Paulista, reerguer o grupo numa fase tão difícil foi uma realização profissional.

Agradeço a todos os profissionais do São Paulo pela convivência e aprendizado, especialmente a todos que confiaram em mim. Guardarei com carinho os melhores momentos enquanto representei essa camisa.

Leia também: Cuca não resiste à derrota no Morumbi e pede demissão do São Paulo
Minha admiração e torcida por este clube será eterna.

Cordialmente,

Vagner Mancin i"

    Leia tudo sobre: Futebol