Tamanho do texto

Presidente do Corinthians falou brevemente sobre a dívida envolvendo a Arena e a Caixa Econômica Federal e garantiu que clube pagará tudo; confira

Durante uma breve participação no "Seleção SporTV" desta terça-feira (24), Andrés Sanchez voltou a ser questionado sobre a dívida da Arena Corinthians com a Caixa Econômica Federal.

Leia também: Multa de R$ 48 milhões pode colocar Arena do Corinthians, em Itaquera, no Serasa

Andrés Sanchez arrow-options
Reprodução
Andrés Sanchez


Leia também: Assolado em dívidas, Corinthians tem nova despesa cobrada: mais de R$ 5 milhões

O repórter perguntou a Andrés se hoje a dívida envolvendo o estádio é o principal problema administrativo do Corinthians, mas o presidente do clube alvinegro minimizou. "A Arena não tira meu sono". Além disso, ele falou que já houve o pagamento de uma parte da dívida, que a arena será paga e, futuramente "o maior patrimônio do torcedor".

A Arena Itaquera S.A, empresa que tem o clube somo sócio e que é dona do estádio, pagou à Caixa Econômica Federal apenas 27,8% do que estava em contrato para ser quitado em 2019. Em processo, o banco cobra multa de R$ 48,7. 

Leia também: Corinthians x Caixa: "Vai ter acordo, mas do jeito que a gente quer", diz Andrés