Tamanho do texto

Em entrevista publicada pelo “The Player Tribune”, o jogador falou sobre as propostas negadas e exaltou a estabilidade oferecida pelo Tricolor Paulista

Daniel Alves marcou na sua estreia pelo São Paulo arrow-options
Luis Moura / WPP / Agencia O globo
Daniel Alves marcou na sua estreia pelo São Paulo

Contratado pelo São Paulo no início de agosto, Daniel Alves revelou, em entrevista publicada pelo “The Player Tribune”, que recusou propostas do Barcelona e da Juventus para poder atuar no Tricolor.

Leia mais: CBF vai sortear 40 carros durante as partidas do Campeonato Brasileiro

O lateral-direito, que chegou à equipe paulista logo após ser considerado o melhor jogador da Copa América, explicou a decisão de escolher o clube do Morumbi: “Tive a possibilidade de voltar para a Juventus , eu tive possibilidade de voltar para o Barcelona . Não tomo a decisão assim: ‘Ah, vou por ali’. Não. Eu começo a juntar: ‘indo para esse lugar o que esse lugar vai me apontar, o que vai melhorar para mim, o que vai me tornar um melhor profissional?’. E eu fui começando a linkar: a estrutura que tem, a possibilidade que tem, a história que o clube tem, a estabilidade que pode me dar”, disse Daniel Alves .

O atleta tem vínculo com o São Paulo até 2022 e a duração do contrato foi determinante para que o jogador fechasse com o clube: “O que era decisivo para mim era estabilidade para eu poder lutar pelo Mundial de 2022. A grande maioria dos clubes não me propôs isso, porque eles acham que eu tenho prazo de validade”, afirmou.

Daniel Alves vem sendo utilizado como meia no São Paulo, mas há indícios de que na próxima rodada do Brasileirão, contra o CSA, no próximo domingo, o técnico Cuca o escale em sua posição de origem, na lateral direita.