Tamanho do texto

Al-Hilal tem acerto encaminhado com Cuéllar, do Flamengo, e acaba desistindo da contratação do atleta corintiano, que era visto como "plano B"

Lance

Gabriel - Corinthians arrow-options
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Gabriel - Corinthians

Gabriel fica no Corinthians. A negociação do volante com o Al-Hilal, da Arábia Saudita, não deu certo e foi finalizada nesta sexta-feira (30) Os clubes haviam chegado a um acordo por cerca de 6 milhões de euros (R$ 25,3 milhões). O Corinthians receberia cerca de R$ 17,5 milhões pela negociação.

Leia mais: Com aval do Flamengo, volante Cuéllar está perto de fechar com time árabe

Porém, com a chegada do volante Cuéllar no clube árabe, a negociação foi encerrada. O jogador já tinha inclusive se despedido dos companheiros depois da classificação do Timão contra o Fluminense, na Sul-Americana. Este é apontado como o principal motivo da negociação não ter dado certo.

O camisa cinco do Timão chegou a viajar para a Arábia, mas logo que chegou ao Oriente Médio, foi informado da desistência por parte dos árabes. Entre Corinthians e Al-Hilal já estava tudo certo. A transferência de Gabriel foi fechada em 5,5 milhões de euros (R$ 27 milhões), e o Timão conseguiu aumentar o percentual a que tinha direito na operação de 50% para 70%, por conta de uma negociação com o Monte Azul.

A negociação foi feita de forma apressada por conta do fechamento da janela árabe, que se encerra neste sábado. Aos 27 anos, Gabriel tem contrato com o Corinthians até o fim de 2021, e será reintegrado ao elenco. 

Contratado em 2017, o volante Gabriel somou 138 partidas e quatro gols marcados. Pelo Timão, foi tricampeão paulista e faturou ainda o Brasileirão em 2017, no ano em que teve mais destaque no clube.