Tamanho do texto

Delegada Juliana Lopes Bussacos decide encerrar investigação em que Neymar era acusado de estupro e agressão pela modelo Najila Trindade

Neymar durante seu depoimento no RJ arrow-options
Twitter/Reprodução
Neymar durante seu depoimento no RJ

O inquérito que investigava a acusação de estupro e agressão contra Neymar foi concluído e o jogador não será indiciado. A denúncia havia sido feita pela modelo Najila Trindade. O inquérito foi concluído pela delegada Juliana Lopes Bussacos, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher e responsável pelo caso.

Leia mais: Caso Neymar: "Não houve estupro", afirma ex-marido de Najila Trindade

A Justiça havia autorizado, no início deste mês, a prorrogação para a conclusão do inquérito, no intuito de que alguns elementos pudessem ser incluídos na investigação do caso Neymar , tais como documentos e imagens. A solicitação foi feita pela delegada.

Mesmo sem receber tudo o que havia solicitado, Bussacos decidiu dar a investigação como concluída.

Ainda pode haver desdobramentos no caso Neymar , já que as promotoras de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica (Gevid) podem solicitar novas diligências.