Tamanho do texto

Gigante da Colina ficou no 1 a 1, na Arena Castelão, levando gol no fim

Rogério Ceni e Vanderlei Luxemburgo no duelo entre Fortaleza e Vasco
Ronaldo Oliveira/Photo Premium/Agencia O Globo
Rogério Ceni e Vanderlei Luxemburgo no duelo entre Fortaleza e Vasco

O Vasco segue a sua Via Crucis particular neste começo de Campeonato Brasileiro . Na noite deste domingo, na Arena Castelão, o time até saiu na frente do Fortaleza , mas, assim como aconteceu contra o Avaí na rodada passada, levou o empate com um gol já no fim do jogo: 1 a 1. Yago Pikachu, de pênalti, e Romarinho, ambos no segundo tempo, marcaram.

O jogo marcou o encontro do experiente Vanderlei Luxenburgo, do Vasco , contra o ainda iniciante Rogério Ceni, do Fortaleza.

Agora com três pontos em seis rodadas, a equipe cruzmaltina segue 'segurando' a lanterna. O próximo compromisso será diante do Botafogo, no domingo, às 11h, no Estádio Nilton Santos.

Muito concentrado e cheio de disposição, o Vasco mudou de postura com relação às apresentações anteriores. Adiantou a sua marcação no meio e abusou da velocidade de Rossi pelos dois lados do campo. Sem um atacante de referência — Maxi López pediu para deixar o clube na sexta passada —, o time sentiu falta do centroavante.

O volante Lucas Mineiro, duas vezes seguidas, perdeu oportunidades para abrir o marcador, numa delas depois de arrancar sozinho do meio-campo.

Fortaleza x Vasco no Castelão%2C pela sexta rodada do Brasileirão
LC Moreira / FramePhoto / Agência O Globo
Fortaleza x Vasco no Castelão, pela sexta rodada do Brasileirão

Na etapa complementar, os donos da casa saíram mais para o jogo, o que causou problemas para o setor defensivo do Vasco. O travessão e o zagueiro Ricardo Graça evitaram o pior no começo do segundo tempo. Só que aos 23 minutos veio o lance determinante: Rossi foi lançado em velocidade, tirou do goleiro Felipe Alves e acabou derrubado. Pênalti, que, aos 25, Yago Pikachu não vacilou: 1 a 0.

Mas, como a vida do  Vasco não anda nada fácil, aos 43 Romarinho recebeu de Osvaldo na meia-lua, ajeitou e acertou o canto direito do gol de Sidão.

    Leia tudo sobre: futebol