Tamanho do texto

O meia deixou o clube em dezembro após entrar na justiça por falta de pagamentos de salário e direitos trabalhistas

Gustavo Scarpa em campo pelo Palmeiras
Divulgação
Gustavo Scarpa em campo pelo Palmeiras

O meia Gustavo Scarpa enfrenta o Fluminense pela primeira vez após rescindir seu contrato e sair de maneira conturbada do clube.  Palmeiras e Fluminense jogam às 19h30 desta quarta-feira (25), no Maracanã, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Leia também: Corinthians é o clube que mais pagou comissão para agentes nos últimos anos

Gustavo Scarpa será o centro das atenções das atenções na partida, o jogador rescindiu seu contrato com os cariocas em dezembro de 2017 após entrar na justiça por uma dívida de R$ 9 milhões entre salário e direitos trabalhistas.

Em janeiro, o Palmeiras se aproveitou da situação e contratou Scarpa, que estava livre no mercado. Porém em março o Fluminense conseguiu reverter a decisão da justiça, o que impediu o jogador de atuar pelo Verdão.

Após três meses sem jogar profissionalmente, Scarpa conseguiu sua liberação do Fluminense por meio de um habeas corpus concedido pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) e acertou seu retorno ao Palmeiras.

Leia também: Carlos Sánchez é apresentado no Santos e revela desejo por usar a camisa 7

O garoto Pedro, centroavante do Fluminense e artilheiro do Campeonato Brasileiro comentou em entrevista coletiva sobre o reencontro com Scarpa e disse não pensa apenas no ex-companheiro.

“Tem que pensar no time todo, o elenco deles é muito bom, não vamos pensar apenas num jogador. O Scarpa está do outro lado, agora temos que pensar em ganhar do adversário. O foco não é só nele e sim no Palmeiras. O futebol tem disso, de amigo ir para outro clube, assim como o Douglas foi para o Corinthians, isso é normal . O time todo já conhece o Scarpa, mas não dá pra se preocupar apenas com ele. É um cara que finaliza muito de fora da área e dá muito passe pra gol, é um jogador importante”, completou o atacante.

Atante concedeu entrevista coletiva antes da partida
Reprodução
Atante concedeu entrevista coletiva antes da partida

Pelo menos 10.000 ingressos foram vendidos para o confronto que marcará o reencontro entre Fluminense e Gustavo Scarpa, que deve ouvir vaias da torcida

Retrospecto

Leia também: Jean Chera, ex-jogador do Santos, revela ter sofrido assédio dentro do clube

O Fluminense não ganha do Palmeiras desde outubro de 2015, quando venceu os paulistas por 2x1 pela Copa do Brasil. De lá para cá, foram cinco jogos e todas as partidas vencidas pelo Verdão. Hoje o alviverde tem a vantagem de contar com Gustavo Scarpa ao seu lado.

    Leia tudo sobre: Futebol