Adriano Imperador possui mais de 1,5 milhões de seguidores no Instagram
Reprodução
Adriano Imperador possui mais de 1,5 milhões de seguidores no Instagram

Sempre cheio de declarações polêmicas , Adriano utilizou sua conta do Instagram para mandar um recado. Nesta última quinta-feira (19), Imperador gavou um vídeo e afirmou estar sendo vítima de macumba. Mesmo sem identificar a pessoa, deixou claro que a prática era feita por uma mulher.

LEIA TAMBÉM: Adriano "Imperador" desabafa após vídeo com delegada vazar na internet; assista

"Sei que tem alguém fazendo macumba para mim, mas isso não vai pegar, porque Deus é maior. É melhor tomar conta da tua vida. Eu sei que é mulher , mas eu não tenho raiva, não. Eu tenho pena", disse Adriano Imperador. "Minha família reza por mim todos os dias. Respeito a religião de todo mundo. Mas respeite também a vida dos outros", completou.

Assista o vídeo:

LEIA TAMBÉM: A fila anda! Longe dos gramados, Adriano Imperador tem vida amorosa bem agitada

Macumba é o nome pejorativo dado às oferenças das religiões ubanda e candomblé. Alguns minutos depois, publicou um outro vídeo, agradecendo o carinho dos fãs diante das mensagens de apoio. Mas tanto este último quanto o primeiro recado, foram deletados de seu perfil. Por fim, fez uma última publicação na qual aparece de cabelo novo e sorridente, e faz um pedido: "Deixa eu ser feliz".

Deixa eu ser feliz

Uma publicação compartilhada por Adriano imperador (@adrianoimperador) em



Você viu?







LEIA TAMBÉM: Adriano Imperador admite planos de voltar aos gramados em 2018; leia mais

Longe dos gramados desde 2016, quando fez duas partidas pelo Miami United, nos Estados Unidos, o jogador revelou que pretende voltar ao futebol em 2018. "Estou me ajeitando para fazer um projeto e começar a treinar de novo, sem clube nenhum, durante todo o mês de janeiro. Desde que parei, consegui manter meu corpo. Estou disposto a isso, sei que tenho de ter muita persistência", disse Adriano . "Quero fazer por mim, quero mostrar que posso chegar até meu limite e, daí sim, dizer se dá ou não para continuar jogando", afirmou em entrevista a Pedro Bial.

    Leia tudo sobre: futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários