Tamanho do texto

Segundo Barcelona, time inglês teria pedido 200 milhões de euros pelo brasileiro. Entretanto, Liverpool nega e diz que bem queria vender o atleta

A janela de transferências da Europa fechou na sexta-feira (1), mas a novela sobre a negociação de Philippe Coutinho do Liverpool para o Barcelona continua no final de semana. Depois de o Barcelona dizer que se negou a pagar os 200 milhões de euros  (cerca de R$ 746 milhões) pedidos pelo time inglês, os Reds reagiram. 

Segundo Liverpool, Philippe Coutinho não está à venda
Reprodução/Twitter/@LFC
Segundo Liverpool, Philippe Coutinho não está à venda


Segundo informações do jornal britânico "The Telegraph", dirigentes do Liverpool ficaram indignados com as afirmações do Barcelona. No sábado (2), Robert Fernández, secretário técnico do Barcelona , e Albert Soler, diretor esportivo do time, em entrevista coletiva, falaram que a equipe recebeu a oferta por Coutinho de última hora, mas disse "não" por causa do alto valor e para não "inflacionar o mercado". 

Soler ainda comentou que agradecia o esforço que Coutinho havia demonstrado por querer atuar no Barça, mas que a situação havia terminado e que o time espanhol não tinha mais nada a fazer. 

Leia também: Xavi critica contratações do Barça e revela sua preferência entre Messi e CR7

Resposta do Liverpool

Agora, de acordo com o periódico britânico, fontes dos Reds são categóricas em afirmar que nada disso é verdade. Eles dizem que o Barcelona queria Coutinho, mas as conversas não avançaram porque o time inglês não tem interesse em vender o brasileiro. Segundo o jornal, em momento algum a equipe da Inglaterra se preparou para colocar um preço no jogador para esta janela de mercado porque "Coutinho não estava à venda". 

A reportagem continua, afirmando que o Liverpool não tem interesse em travar uma guerra com o Barcelona. O texto fala ainda que a primeira proposta dos espanhóis foi em julho, no dia 20 daquele mês, no valor de 72 milhões de libras (cerca de R$ 293 milhões), e que os Red disseram que Coutinho não seria vendido "em nenhuma circustância, por nenhum preço". O Barcelona teria feito outras tentativas, mas o Liverpool se manteve firma na decisão de manter o atleta.

Leia mais sobre futebol no iG Esporte

De acordo com a publicação, Coutinho é um jogador importante para o Liverpool e peça chave para o esquema do técnico Jurgen Klopp. No momento, o atleta defende a seleção brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo 2018. O próximo compromisso é a partida contra a Colômbia, nesta semana. 

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.