Tamanho do texto

Meio-campista de 37 anos ressaltou que o Barcelona precisa ter 11 jogadores que se encaixam com o estilo do time, não apenas cinco ou seis

O meio-campista Xavi Hernandéz, hoje no Al-Saad, do Catar, foi um dos líderes do supertime do Barcelona comandado por Pep Guardiola que ganhou todos os títulos possíveis recentemente. Entretanto, isso não é motivo para o meia somente elogiar a atual fase do clube catalão.

Leia também: Wayne Rooney é detido por dirigir embriagado na Inglaterra; confira

Em entrevista para o jornal espanhol Marca , Xavi criticou as contratações feitas pelo Barça nesta temporada e falou ainda da eterna comparação entre o português Cristiano Ronaldo e o argentino e ex-companheiro, Lionel Messi .

Xavi Hernández, hoje no Catar, criticou as contratações do Barcelona e revelou seu preferido entre Messi e CR7
Divulgação
Xavi Hernández, hoje no Catar, criticou as contratações do Barcelona e revelou seu preferido entre Messi e CR7

"Fiz parte de uma era incrível no Barcelona e, agora, a equipe joga um bom futebol, mas creio que podiam ter feito melhores contratações. O Barcelona adormeceu! Há cinco ou seis anos tinha os melhores jogadores do mundo para o seu sistema e filosofia, hoje, tem cinco ou seis jogadores: Iniesta, Alba, Messi, Piqué, Suárez, Busquets...", afirmou o jogador de 37 anos.

Leia também: Cristiano Ronaldo chega a 78 gols pela seleção e supera Pelé

"Só que o Barça deve ter onde para esse sistema. Antes nós não víamos um jogador e diziamos: 'Este encaixaria muito bem no Barça', porque os jogadores já estavam lá. Contrataram jogadores que não encaixam nesse sistema", acrescentou e ponderou que é preciso ter paciência para voltar a ganhar o Espanhol e a Liga dos Campeões.

"É preciso ter paciência. No ano do nosso triplete (três conquistas), o Real ganhou não sei quantos jogos seguidos. Em janeiro parecia invencível, mas perdeu para o Valencia, depois outro jogo em casa e acabou que nós ganhamos três títulos", continuou e reafirmou quem é seu preferido entre Messi e CR7.

Leia também: Chilavert fica indignado e reclama da candidatura paraguaia para Copa 2030

"Messi é um gênio no coletivo e no individual. Faz tudo bem. Se agora, por exemplo, um treinador lhe disser 'vamos jogar todos para trás', o Léo também seria o melhor nisso. Se pedirem ao Cristiano para ele jogar a um ou dois toques, não sei se seria o melhor. Como finalizador ele é incrível, um jogador histórico, mas com Messi não há comparação possível", concluiu.

Carreira

Xavi Hernandéz nasceu na Catalunha e foi criado nas categorias de base do Barcelona. Jogou no time b por três anos e atuou por 17 anos no time principal. Conquistou todos os títulos possíveis, entre eles, quatro Liga dos Campeões, dois Mundiais e oito Campeonatos Espanhóis. Está no Al-Saad desde 2015. Com a seleção da Espanha, ganhou a Copa de 2010 e a Euro de 2008 e 2012.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.