Tamanho do texto

Meia colombiano foi um pedido do técnico Carlo Ancelotti, com quem já trabalhou na Espanha

James Rodríguez estava na reserva do Real Madrid e acertou com o Bayern de Munique
Reprodução / La Liga
James Rodríguez estava na reserva do Real Madrid e acertou com o Bayern de Munique

Sem espaço no Real Madrid do técnico Zinedine Zidane, o meio-campista colombiano James Rodríguez deixou o time espanhol e acertou sua transferência ao Bayern de Munique . Quem confirmou a negociação foi o próprio clube alemão - ele assinou contrato de empréstimo de dois anos, válido até junho de 2019.

Leia também: Transferências na Itália e Inglaterra agitam o mercado da bola europeu

Caso o Bayern queira contratar  James Rodríguez em definitivo ao final do empréstimo, o valor da compra está estipulado em 60 milhões de euros (cerca de R$ 222 milhões). Vale ressaltar que o reforço é um pedido do técnico Carlo Ancelotti, já que ambos trabalharam juntos no próprio Real. 

Leia também: Jogador do Ajax sofre parada cardíaca dentro de campo, mas consegue sobreviver

Em 2014, o clube espanhol pagou 80 milhões de euros (R$ 297 milhões) para tirá-lo do Monaco. No Real, James disputou 111 partidas oficiais, com 36 gols anotados.

IT'S OFFICIAL! #FCBayern have signed @jamesrodriguez10 on a two-year loan deal. #MiaSanMia #ServusJames

Uma publicação compartilhada por FC Bayern Official (@fcbayern) em

Mais qualidade no elenco

"Estamos muito felizes que fomos capazes de completar essa transferência. O acerto com o jogador foi o grande desejo do nosso treinador Carlo Ancelotti, já que ambos trabalharam juntos no Real Madrid", disse Karl-Heinz Rummenigge, gerente executivo do Bayern. "Ele é um jogador versátil, prepara jogadas, faz gols. Vamos aumentar muito a qualidade da nossa equipe", finalizou o dirigente.

Leia também: Modelo russa revela encontro secreto com Cristiano Ronaldo em Moscou

De acordoc com a imprensa alemã, o salário do colombiano será de 6 milhões de euros (R$ 22,27 milhões) por temporada. James Rodríguez chega para somar no meio de campo ofensivo da equipe de Munique, que já conta com Thomas Müller, Robben, Ribéry, Coman, Douglas Costa e Gnabry, além de Thiago Alcântara.