Tamanho do texto

Tomás Andrade recebeu sozinho na pequena área e finalizou fraco, dando tempo para o goleiro adversário se recuperar e fazer a defesa

Tomás Andrade, jogador do River Plate, perdeu um gol incrível
Reprodução
Tomás Andrade, jogador do River Plate, perdeu um gol incrível

O dia 26 de março de 2017 ficará marcado para sempre na memória do jovem Tomás Andrade, jogador do River Plate. Neste domingo, já nos acréscimos da partida diante do Belgrano, o atacante de 20 anos de idade perdeu um gol incrível e deixo o gramado chorando demais, consolado pelo técnico Marcelo Gallardo.

Leia também: Manchester United quer Neymar e pode pagar até R$ 675 milhões, diz jornal

O lance aconteceu aos 49 minutos do segundo tempo, após rápido contra-ataque. O jogador do River recebeu sozinho na pequena área e finalizou fraco, dando tempo para o goleiro Lucas Acosta, que estava batido, se recuperar e voltar para fazer a defesa em cima da linha. Para entender melhor, confira o vídeo abaixo:

Leia também: Dois brasileiros entram em lista dos reservas mais caros do mundo

Para sorte de Tomás, o gol perdido não prejudicou o River Plate, que venceu a partida no Monumental de Núñez por 2 a 1. "Isso é coisa do futebol. Às vezes fazemos o gol, mas outras vezes não . Mas temos máxima confiança nele e vamos continuar acreditando no atleta, que tem um tremendo potencial", disse o atacante Sebastian Driussi.

Leia também: Um dia após brilhar na seleção, Paulinho é eleito pior da história do Tottenham

O placar do jogo foi aberto pelo próprio Driussi no começo do segundo tempo. Cristian Lema chegou a empatar para o Belgrano, mas Gonzalo Martinez anotou o segundo do River e decretou o marcador. Vale ressaltar que Tomás Andrade entrou somente aos 43 minutos da etapa final, perdendo a chance de balançar as redes com poucos minutos em campo.

Tomás Andrade tem apenas 20 anos de idade e fez poucos jogos como profissional
Reprodução / Twitter / River Plate
Tomás Andrade tem apenas 20 anos de idade e fez poucos jogos como profissional

Carreira curta

A frustração do jovem jogador argentino tem explicação. Revelado pelo próprio River Plate em 2016, ele tem apenas 15 jogos disputados como atleta profissional e nunca marcou gol. A incrível chance que ele teve diante do Belgrano poderia terminar no primeiro tento da sua carreira, mas o goleiro adversário impediu.

    Leia tudo sobre: Futebol