Tamanho do texto

Wayne Shaw foi flagrado comendo uma torta durante a partida do seu time, o Sutton United, pela Copa da Inglaterra; caso pode ter ligação com apostas. Por conta da repercussão negativa, o arqueiro reserva se demitiu do time

Wayne Shaw, que pesa 120 kg, tem 45 anos e é goleiro Sutton United, comeu torta durante jogo contra o Arsenal
Reprodução/Twitter
Wayne Shaw, que pesa 120 kg, tem 45 anos e é goleiro Sutton United, comeu torta durante jogo contra o Arsenal

O Arsenal venceu a partida contra o Sutton United, clube da quinta divisão inglesa, por 2 a 0, nesta segunda-feira, pela quinta fase da Copa da Inglaterra e avançou às quartas de final. Até aí tudo bem, os Gunners somente confimaram o favoritismo, mas uma outra coisa chamou atenção. O goleiro reserva do adversário, Wayne Shaw, que tem 45 anos e pesa nada menos que 120 quilos.

LEIA MAIS: Goleiro de 45 anos de idade e 120 kg será rival do Arsenal na Copa da Inglaterra

Ele ficou conhecido logo quando a partida foi anunciada e chamou a atenção por estar muito acima do peso. No duelo no subúrbio de Londres, no entanto, o goleiro  foi flagrado comendo um lanche no meio da partida e causou alvoroço na Terra da Rainha. 

Isso porque, de acordo com o jornal britânico "Daily Mail", o arqueiro reserva sabia que casas de apostas locais estavam pagando 8 para 1, se ele fosse flagrado por uma câmera comendo uma torta durante o jogo. A Federação Inglesa (FA) proíbe qualquer tipo de relação dos participantes de uma partida com apostas e agora ele será investigado. Por conta da repercussão negativa, ele se demitiu.

LEIA MAIS: Gabriel Jesus passou a comer peixe a pedido de Guardiola. Mas Por quê?

A Comissão de Esforço e Inteligência anti-apostas, um conselho independente criado em 2005 e que procura manter a legalidade e justiça das atividades é quem moveu a ação. O diretor da Comissão, Richard Watson, afirmou que as investigações servirão para saber se as apostas feitas foram justas.

"Integridade no esporte não é uma piada e nós abrimos uma investigação para estabelecer exatamente o que aconteceu. Uma parte disso será se aprofundar se houve alguma irregularidade no mercado de apostas e estabelecer caso algum operador cumpriu com sua licença para conduzir os negócios com integridade", afirmou.

Versão do personagem

Segundo Wayne Shaw, ele não comeu a torta de propósito, mas sim porque sabia que não entraria mais em campo e que seu time seria eliminado pelo Arsenal.

LEIA MAIS: Torcida chilena convoca protesto para pedir saída de Alexis Sanchez do Arsenal

"Alguns dos rapazes me disseram mais cedo que estavam pagando oito para um sobre comer uma torta. Eu disse que não sabia (se faria), eu não tinha comido nada o dia inteiro. Então eu poderia comer algo mais tarde. Pensei em entrar na brincadeira e fazer isso. Todos os reservas já tinham entrado e estávamos perdendo por 2 a 0", ponderou o goleiro.

Pedido de demissão

Depois do caso e devido a repercussão negativa, Wayne Shaw decidiu pedir demissão do clube, que agradeceu os serviços prestados por ele durante o tempo de contrato.

"Wayne Shaw se demitiu de seu cargo no Sutton United depois dos eventos da última noite e sua publicidade. Ele disse que 'entende completamente a posição do clube sobre esse assunto'. Naturalmente, estamos desapontados que o período de Wayne no clube tenha que acabar desse jeito, e gostaríamos de agradecê-lo por sua contribuição ao clube como goleiro e desejamos o melhor a ele no futuro", disse o clube através de seu site oficial.

    Leia tudo sobre: futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.