Tamanho do texto

Semana foi quente pelos lados do time argentino, sendo que a diretoria resolveu punir alguns dos brigões

Juan Insaurralde e Jonathan Silva trocaram socos no treino do Boca Juniors
Reprodução
Juan Insaurralde e Jonathan Silva trocaram socos no treino do Boca Juniors

A semana está um pouco tensa pelos lados do Boca Juniors, mesmo com a equipe liderando a tabela de classificação do Campeonato Argentino. Duas brigas paralelas deixaram o ambiente conturbado no clube xeneize, sendo que a diretoria já está agindo para punir os envolvidos e abafar a crise interna.

LEIA MAIS: Musa de time da Série B do Brasileirão é presa acusada de tráfico de drogas

Durante treinamento do Boca , os jogadores Juan Insaurralde e Jonathan Silva se estranharam e trocaram socos ali mesmo no gramado. O presidente Daniel Angelici decidiu punir ambos com 15 dias sem salários. 

Confira o vídeo da briga no treino:

Após toda confusão, eles pediram desculpas publicamente. "Quero pedir desculpas ao Jony (Jonathan Silva), aos meus companheiros, à comissão técnica e a todos do clube. Eu não estava num bom dia. Foram cinco segundos de cabeça quente que não pode acontecer, temos um bom ambiente aqui. Isso não vai mais acontecer", disse Insaurralde.

LEIA MAIS: Três brasileiros estão entre os 100 melhores estrangeiros da Premier League

"Foi uma coisa que se passou ali dentro, um momento que perdemos a cabeça, pode acontecer com qualquer um. Agora está tudo bem. Foi algo que aconteceu e que fica ali. Agora estamos até dando risada disso", completou Jonathan Silva.

Centurión de cabeça quente

Já a polêmica com Centurión surgiu com o vazamento de um vídeo da pré-temporada do time, neste começo de ano. O atacante aparece descontrolado nas imagens do circuito interno do hotel onde a delegação estava hospedada em Mar del Plata, sendo contido posteriormente por alguns companheiros. Pelas imagens não dá para saber o motivo da ira.

Veja no vídeo abaixo:

LEIA MAIS: Conheça o trading esportivo, uma nova forma para ganhar dinheiro com futebol

Centurión ainda é jogador do São Paulo e está emprestado ao Boca Juniors até julho deste ano, com opção de compra por parte do clube argentino - uma punição ao atleta por conta da confusão, no entanto, ainda não foi definida. Existe a possibilidade de o jogador retornar ao Morumbi ainda em 2017.