Tamanho do texto

Brasileiro marcou logo no início do jogo, time de Manchester levou o empate aos 35 da segunda etapa, mas a estrela do garoto brilhou e ele fez mais um

Gabriel Jesus marcou mais dois gols com a camisa do Manchester City
Reprodução/Twitter/Premier League
Gabriel Jesus marcou mais dois gols com a camisa do Manchester City

Com Gabriel Jesus titular novamente e na tentativa de diminuir a distância para o líder Chelsea, o Manchester City entrou em campo neste domingo (5), diante do Swansea City, no penúltimo jogo da 24ª rodada do Campeonato Inglês e venceu por 2 a 1, no Etihad Stadium, com dois gols do brasileiro, um deles no apagar das luzes.

LEIA MAIS: Em jogo eletrizante, Chelsea se impõe, vence o Arsenal e dispara na liderança

Gabriel Jesus marcou o primeiro aos dez do primeiro tempo e o segundo, que deu a vitória ao seu novo time, aos 47 do segundo,  enquanto Sigurdsson chegou a assustar, marcando aos 35 da etapa complementar. O brasileiro se tornou o quinto jogador do Citizens a marcar gols nos dois primeiros jogos na Premier League. Os outros foram: Geovanni, Robinho, Adebayor e De Bruyne. Com o resultado, o City chegou aos 49 pontos e assumiu a terceira colocação da Premier League, um ponto atrás do Tottenham, vice-líder, e dez do Chelsea, líder absoluto.

O jogo

A partida começou com o City em cima e a primeira chance foi de Jesus, logo aos dois minutos, após bom toque de Sané, mas a bola foi para fora. Aos seis minutos o brasileiro caiu na área e chegou a pedir pênalti, mas o árbitro nada marcou. A pressão continuou e deu certo...

Aos dez minutos, a jovem promessa, que cada vez mais é realidade, aproveitou boa jogada de David Silva pela esquerda e completou para o fundo do gol após Sterling não conseguir chutar. Foi o segundo gol de Jesus com a camisa do Citizens em quatro jogos.

Apesar da blitz dos donos da casa diminuir após o gol, o Swansea não apresentou nenhum perigo. Foram quatro escanteios do City nos primeiros 20 minutos, contra nenhum dos visitantes. Aos 21, após roubada de bola de Gabriel e infração em David Silva, Yaya Touré cobrou falta com perfeição e ela tinha endereço certo, mas Fabianski se  esticou e salvou a bola, que entraria no ângulo.

Cinco minutos mais tarde, Fernandinho chapelou o adversário e tocou para Sterling, que cruzou em direção a Gabriel Jesus, porém a zaga chegou antes e tocou para escanteio. Na cobrança de Silva, Touré emendou de primeira, mas pegou mal e mandou para fora. Neste momento do jogo, o estilo de Pep Guardiola prevalecia, eram 82% de posse de bola, contra apenas 18% do Swansea.

LEIA MAIS: Confira a tabela atualizada do Campeonato Inglês, artilharia e notícias

Aos 31, De Bruyne cobrou escanteio curto para David Silva, este devolveu para o belga, que bateu e viu a bola passar perto após desviar na zaga. Na sequência, após outro escanteio, Touré ganhou no corpo, limpou e bateu, mas Fabianski fez defesa em dois tempos.

Depois de uma grande pressão do City, Sigurdsson arrancou pela esquerda e foi parado com falta por De Bruyne, que levou o primeiro cartão amarelo do jogo. Esta foi a única chance dos visitantes na primeira etapa. Um minuto mais tarde, Sterling recebeu passe longo, tocou para dentro da área e se chocou com o goleiro. O árbitro considerou simulação e, por isso, aplicou cartão amarelo ao atacante inglês. Foi o último lance de perigo do primeiro tempo.

Gabriel Jesus foi eleito o melhor jogador em campo, pela segunda vez consecutiva
Reprodução/Twitter/Premier League
Gabriel Jesus foi eleito o melhor jogador em campo, pela segunda vez consecutiva

O segundo tempo começou um pouco diferente. Logo no primeiro minuto, Sigurdsson bateu falta com perfeição e obrigou Caballero voar no ângulo para defender. A bola ainda bateu na trave e saiu pela linha de fundo. Na sequência, o Swansea não conseguiu aproveitar a chance de empatar e viu o City voltar a controlar as ações.

Aos 12 minutos, Sterling ganhou na corrida pela direita e cruzou para Gabriel Jesus, que não alcançou. O jogo ficou um pouco mais parelho e após disputar a bola pelo alto com a zaga do City e deixar o braço, o atacante Llorente foi punido com cartão amarelo. Aos 16, Sigurdsson cobrou escanteio na cabeça de Mawson, o zagueirão desviou, mas para fora.

A primeira substituição foi dos visitantes e aos 20 minutos. Routledge saiu para a entrada de Narsingh. Pelo lado direito, o time de Manchester seguiu pressionando com boas trocas de passes entre Sterling e David Silva. Na sequência, Kolarov cabeçeou para fora após escanteio batido por De Bruyne.

LEIA MAIS: Irritado, Diego Costa desabafa em rede social: "Falam muita m****"

Aos 26 minutos, Gabriel Jesus deu leve toque de calcanhar para David Silva, que entrou na área e bateu pressionado. Por falta no brasileiro, Leroy Fer levou amarelo. Com menos de 20 para acabar, o técnico Clement mexeu pela segunda vez: saiu Carroll e entrou Dyer. A primeira substituição do City veio aos 32 minutos, com a entrada de Zabaleta no lugar de De Bruyne.

Por muitos momentos, o City correu perigo com o placar magro, e aos 35 minutos, o bom momento do Swansea resultou em gol.  Sigurdsson recebeu na entrada da área, limpou Stones e bateu rasteiro sem chances para Caballero. Logo em seguida, Clement mexeu no time pela terceira vez e tirou o atacante Llorente para a entrada de Borja Bastón. No mesmo instante, Guardiola decidiu colocar o terceiro maior artilheiro do City em campo: Aguero, que entrou no lugar de Sterling.

Com o gol de empate, a partida ganhou tons de desespero, isso porque o City partiu pra cima com tudo em busca do gol da vitória e o Swansea passou a se defender mais e jogar no contra-ataque. Até que estrela de Jesus brilhou novamente!

Zabaleta comemora com Gabriel Jesus o gol da vitória do Manchester City sobre o Swansea
Reprodução/Twitter/Premier League
Zabaleta comemora com Gabriel Jesus o gol da vitória do Manchester City sobre o Swansea

Aos 47 minutos, quando a partida parecia estar definida, Gabriel Jesus recebeu cruzamento da direita e cabeceou para o chão, Fabianski defendeu, mas o brasileiro fez no rebote e decretou a vitória para o City! Ainda deu tempo de Sigurdsson levar um cartão amarelo e David Silva quase marcar o terceiro, mas ele cabeceou por cima do gol. 

Ficha técnica

Manchester City: Willy Caballero; Fernandinho, Stones, Kolarov e Clichy; Yaya Touré, De Bruyne (Zabaleta) e David Silva; Sterling (Aguero), Leroy Sané e Gabriel Jesus.

Técnico: Pep Guardiola

Swansea City: Fabianski; Naughton, Federico Fernandéz, Mawson e Martin Olsson; Carroll (Dyer), Cork e Leroy Fer; Routledge (Narsingh), Sigurdsson e Llorente (Borja Bastón).

Técnico: Paul Clement

Gols: Gabriel Jesus (10 - 1º tempo), Sigurdsson (35 – 2º tempo) e Gabriel Jesus (47 – 2º tempo)

Cartões amarelos: De Bruyne (Manchester City), Sterling (Manchester City), Llorente (Swansea City), Leroy Fer (Swansea City) e Sigurdsson (Swansea City)

A próxima partida do Manchester City e de Gabriel Jesus no Campeonato Inglês será na segunda-feira (13), contra o Bournemouth, fora de casa. Já o Swansea recebe o atual campeão Leicester, no domingo (12).

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.