Tamanho do texto

Atacante uruguaio e zagueiro italiano devem ser convocados para o amistoso entre as suas seleções, no mês de julho deste ano

Imagem da TV mostra o momento da mordida de Suarez em Chiellini
Reprodução
Imagem da TV mostra o momento da mordida de Suarez em Chiellini

No próximo dia 7 de junho, a Itália disputará um amistoso na cidade de Nice, no sul da França, contra o Uruguai. A partida deve marcar o reencontro entre o zagueiro Giorgio Chiellini e o atacante Luis Suárez, quase três anos após a mordida que tirou o craque uruguaio da Copa do Mundo de 2014.

LEIA MAIS: Largado e sem uso, Maracanã cobra conta de luz atrasada do Comitê Rio 2016

Os dois jogadores podiam ter se enfrentado em 2015, mas defendendo seus clubes, Juventus e Barcelona, na final da Liga dos Campeões da Europa. Contudo, na ocasião, Chiellini acabou cortado por lesão. Já Suárez, o autor da mordida , esteve em campo e ajudou o time espanhol a ser campeão.

LEIA MAIS: Campeão mundial de handebol é condenado à prisão por fraude

Hoy más que nunca, junto a Uruguay! No te pierdas el partido con Chile, vivilo con Cablevisión Uruguay.

Uma foto publicada por Luis Suarez (@luissuarez9) em

Em 10 partidas realizadas entre os dois países, o Uruguai venceu quatro, a Itália, duas, e outras duas terminaram empatadas. Na última delas, no Mundial do Brasil, a Celeste ganhou por 1 a 0, garantindo classificação ao mata-mata e decretando a eliminação da Azzurra ainda na fase de grupos.

LEIA MAIS: Ídolo do Chelsea, Frank Lampard anuncia aposentadoria aos 38 anos

Suspensão e multa

Logo depois da mordida, o uruguaio Luis Suárez foi suspenso por nove jogos da seleção pela Fifa. Como era reincidente neste tipo de agressão e, com o gancho estipulado pela entidade, não pôde mais atuar na Copa do Mundo. Além disso, o atacante do Barcelona teve que pagar multa e cumpriu quatro meses afastado de qualquer atividade no futebol, incluindo partidas pelo seu clube na época, o Liverpool.

    Leia tudo sobre: Futebol