Tamanho do texto

Jogador foi um dos seis sobreviventes da tragédia que matou 71 pessoas

Zagueiro Neto conversa com os novos companheiros de Chapecoense
CHAPECOENSE/DIVULGAÇÃO
Zagueiro Neto conversa com os novos companheiros de Chapecoense

A Chapecoense tenta retomar sua rotina após a tragédia do fim de novembro, onde 71 pessoas morreram na queda do avião na Colômbia. Nesta sexta-feira, o novo elenco se apresentou na Arena Condá para os trabalhos de 2017 e a grande novidade foi a presença do zagueiro Neto, um dos seis sobreviventes ao acidente.

E mais:  Último adversário da Chapecoense, Palmeiras será também o primeiro após tragédia

O jornalista Rafael Henzel, que também saiu com vida do incidente bem perto da cidade de Medellín, postou em suas redes sociais uma imagem que mostra Neto , ainda usando muletas para se locomover, juntamente com os outros jogadores da Chape.

"Estamos aqui com os principais nomes para a reconstrução do nosso clube. Faço agradecimento especial ao atleta que está se reapresentando aqui: o Neto. Seja bem-vindo. Seja bem-vindo àsua casa. Ao lugar que te pertence", disse o diretor executivo Rui Costa.

Recomeço:  Neto recebe alta e chora ao lembrar da tragédia: "Ficha ainda está caindo"

"Todos estão incluídos nesse espírito. Mesmo que a grande maioria dos atletas tenham vindo de longe, há um espírito em cima de todos nós que vai ser a característica desse grupo. É um momento histórico e tenho certeza que todos têm essa mesma expectativa. Vamos ter que honrar legados deixados e temos que retomar a conexão e alegria ao nosso torcedor", completou o dirigente.

Vagner Mancini espera contar com o zagueiro

O técnico Vagner Mancini também falou na apresentação do time, ressaltou que já trabalhou com Neto em outras oportunidades e espera contar com ele neste ano de 2017. "O Neto foi meu atleta e a presença dele aqui hoje nos dá muito mais força para fazer o que desejamos e queremos. Agradeço todos aqui da cidade, os funcionários, à diretoria e à imprensa. Contamos com o apoio de todos", disse o treinador.

Início dos trabalhos

Na sua volta à Arena Condá, Neto conversou com os novos jogadores do time e com os funcionários do clube. Ainda não se sabe ao certo quando o defensor poderá voltar aos gramados - a expectativa é que possa treinar em três meses  -, mas ele deve iniciar um trabalho de fisioterapia nos próximos dias juntamente com a equipe médica da Chapecoense.

    Leia tudo sobre: Futebol