Tamanho do texto

Segundo o agente do jogador português, o salário no futebol chinês seria algo em torno de R$ 940 mil por dia

Cristiano Ronaldo recebeu oferta de R$ 1 bilhão do futebol chinês
Divulgação
Cristiano Ronaldo recebeu oferta de R$ 1 bilhão do futebol chinês

O futebol chinês segue tentanto contratar os melhores jogadores do mundo e o alvo da vez foi o português Cristiano Ronaldo. De acordo com o empresário do atleta, Jorge Mendes, o Real Madrid recebeu uma proposta de 257 milhões de libras esterlinas (cerca de R$ 1 bilhão) de um clube chinês não revelado, mas o próprio jogador avisou que não pensa em se transferir ao país asiático.

Confira também:  Messi recebe proposta para ganhar cerca de R$ 1 milhão por dia na China

O agente ainda revelou que o salário de Cristiano Ronaldo giraria em torno de 85 milhões de libras por ano (cerca de R$ 340 milhões), o que daria uma média de R$ 940 mil por dia. Para fins de comparação, o argentino Carlitos Tevez tornou-se o jogador mais bem pago do mundo ao aceitar um salário de R$ 129 milhões por temporada para defender o Shanghai Shenhua. 

Concorda?  "Messi é como Federer, Cristiano Ronaldo é como Djokovic"

"Dinheiro não é tudo. O Real Madrid é a vida dele e Cristiano Ronaldo está feliz lá. É impossível ele ir para a China", disse Jorge Mendes em entrevista ao canal de TV Sky Sports. "O mercado da China é novo. Você pode comprar muitos jogadores, mas, de novo, é impossível o Cristiano ir. Ele é o melhor jogador do mundo e o melhor de todos os tempos. É normal ter algumas ofertas", acrescentou o empresário.

E mais:  Polêmica sexual, doping e hacker: o fim de ano conturbado de jogador do Sevilla

Os times da China têm buscado jogadores de renome no futebol europeu para 2017. O meia Oscar, por exemplo, deixou o Chelsea para defender o Shanghai SIPG por um salário de 20 milhões de libras (R$ 84 milhões) anuais – já com impostos deduzidos. Os vencimentos são quatro vezes maiores do que o brasileiro recebia na Inglaterra.

Mais prêmios para CR7

Vencedor da Bola de Ouro da "France Football" e favorito a ser escolhido o melhor jogador de 2016 pela Fifa, em janeiro, Cristiano Ronaldo levou mais um troféu para casa: ele foi distinguido como a estrela mundial do ano no esporte pela revista "Eurosport", batendo o velocista jamaicano Usain Bolt e o nadador norte-americano Michael Phelps, dois dos maiores nomes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

    Leia tudo sobre: futebol