Tamanho do texto

Douglas Grolli foi revelado na própria Chape e retorna ao clube catarinense emprestado pelo Cruzeiro

Douglas Grolli já jogou na Chapecoense, onde foi revelado, e agora está de volta
Cruzeiro / divulgação
Douglas Grolli já jogou na Chapecoense, onde foi revelado, e agora está de volta

Com a morte de 19 jogadores na queda do avião na Colômbia - com 71 vítimas fatais no total -, no final do mês de novembro, a Chapecoense tenta se reconstruir para disputa da temporada 2017, onde terá pela frente Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores e Copa Suruga, e anunciou seu primeiro reforço: o zagueiro Douglas Grolli, de 27 anos de idade, que disputou o último Campeonato Brasileiro pela Ponte Preta e chega por empréstimo.

Você viu?  Goleiro deixa a Chape após tragédia, recebe críticas e explica sua saída

Douglas Grolli foi revelado nas categorias de base da própria Chapecoense , onde jogou entre 2008 e 2011 e depois entre 2014 e 2015. Catarinense da cidade de São Miguel do Oeste, o defensor tem seus direitos federativos presos ao Cruzeiro e atuou pela equipe de Campinas neste ano igualmente emprestado.

Grolli em sua passagem anterior pela Chape
CHAPECOENSE/DIVULGAÇÃO
Grolli em sua passagem anterior pela Chape

O zagueiro também tem passagens por Grêmio, São Caetano e Londrina. Grolli foi contratado pelo Cruzeiro em 2015, tendo atuado poucas vezes no clube mineiro, que vai pagar 80% do salário durante o período de empréstimo à Chape.

E mais:  Após tragédia, veja quem são os atletas que ainda estão no elenco da Chapecoense

Outro nome que poderá desembarcar em Chapecó, também vindo do Cruzeiro, é o do meia-atacante Gabriel Xavier. Ele atuou pelo Sport no Brasileirão de 2016 e não será aproveitado pelo técnico Mano Menezes na equipe celeste.

A nova diretoria da Chape pretende anunciar oficialmente o acerto com Douglas Grolli juntamente com outros jogadores que certamente chegarão até o fim do ano. A ideia é apresentar um "pacotão" de reforços para temporada 2017.

Veja também:  Aeromoça sobrevivente defende o piloto: "Ele morreu como um herói, sim"

Uns chegam, outro sai

Se Grolli chega e Gabriel Xavier está nos planos, a Chapecoense perdeu mais um jogador. O goleiro Marcelo Boeck, que não estava na aeronave acidentada e ficou no Brasil, acertou sua transferência para o Fortaleza, que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro. Ele era um dos poucos atletas com contrato vigente no time catarinense depois da tragédia.

    Leia tudo sobre: Futebol