Tamanho do texto

Clube catalão havia convidado o brasileiro para disputar o Troféu Joan Gamper; Presidente em exercício confirmou participação da Chape

Neymar homenageou a Chapecoense em suas redes sociais antes da partida contra o Real Madrid
Reprodução/Instagram
Neymar homenageou a Chapecoense em suas redes sociais antes da partida contra o Real Madrid

A Chapecoense aceitou o convite feito pelo Barcelona na última quinta-feira (8)  e irá jogar o tradicional Troféu Joan Gamper, torneio de um jogo só que abre a temporada para o clube catalão. A confirmação foi dada pelo presidente em exercício Ivan Tozzo, em entrevista à rádio RAC1, da Espanha, que agradeceu pelo pedido e mostrou empolgação com a ideia.

"É uma alegria muito grande para nós e agradecemos ao Barcelona que nos convidou. Será um privilégio e um prazer muito grande ir jogar na Europa", afirmou o atual mandatário da Chapecoense.

Sobre a competição

O Troféu Joan Gamper é organizado pelo Barcelona desde 1966, e foi disputado quase em todas as vezes no estádio Camp Nou, durante o mês de agosto, o que deve acontecer novamente. Flamengo, Vasco, Botafogo, Internacional e Santos são os outros times brasileiros além da Chape que já foram convidados. O Colorado, inclusive, foi o campeão em 1982, já o alvinegro praiano, último a participar, foi goleado por 8 a 0, em 2013.

LEIA MAIS: Presidente da Chapecoense diz que pretende processar a Lamia

"O Barcelona quer prestar homenagem as 71 pessoas que morreram no acidente e suas famílias. O Barcelona trabalhará para que a edição do Troféu Joan Gamper 2017 seja uma grande homenagem do mundo do futebol a todos eles através de diferentes iniciativas em torno desta partida e que serão conhecidas à medida que se aproxime a data de sua realização", afirmou o clube em nota, além de enviar uma carta formal à direção da Chapecoense.

A tragédia

O avião com a delegação da Chapecoense que teria como destino a cidade de Medellín, na Colômbia, caiu pouco antes de pousar, matando 71 das 77 pessoas que estavam a bordo. O time jogaria a final da Copa Sul-Americana diante do Atlético Nacional. Entre as vítimas estão jogadores, membros da comissão técnica, diretoria, jornalistas e tripulação.

LEIA MAIS: CBF vai enviar equipamento à Colômbia para ajudar na recuperação de Neto

Outras homenagens

O Barcelona homenageou a Chapecoense com minutos de silêncio antes das partidas diante de Real Madrid, pelo Campeonato Espanhol, e Borussia M'gladbach, pela Liga dos Campeões da Europa na última semana, além de  parar o treino ainda no dia da tragédia. O técnico Luis Enrique foi o primeiro a citar a possibilidade de um amistoso.

    Leia tudo sobre: futebol