Tamanho do texto

Homem que fez a gravação não foi identificado; clube espanhol da atleta prometeu tomar atitudes legais caso as imagens vazem

Filmagem polêmica marcou a partida do time feminino do Torrelodones CF em Madri
Torrelodones CF / Facebook oficial do clube
Filmagem polêmica marcou a partida do time feminino do Torrelodones CF em Madri

Uma situação polêmica virou assunto no futebol feminino da Espanha. Uma jogadora do Torrelodones CF, que não teve sua identidade revelada, apresentou queixa na polícia do país depois de ter sido filmada com um telefone celular enquanto tomava banho nua no complexo esportivo do Atlético de Madri, na capital espanhola, após duelo entre as duas equipes.

E mais:  Musa do Palmeiras promete surpresa em caso de título; relembre outros casos

Aproveitando-se de uma pequena abertura na parede da área dos chuveiros, um homem usou o aparelho para fazer um vídeo da jogadora em questão. As outras atletas do Torrelodones perceberam a polêmica e foram para a parte externa do vestiário, mas o rapaz conseguiu fugir sem ser identificado. 

Veja:  Gabi Castrovinci, de faxineira "escravizada" a grande nome da luta nos EUA

"Se a gravação - ou qualquer tipo de foto - se tornar pública por qualquer meio, o Torrelodones tomará as ações legais que considera oportunas e necessárias em defesa da dignidade da nossa jogadora envolvida", avisou o clube em um comunicado oficial.


Atlético de Madri preocupado

Anfitrião da partida, o Atlético de Madri lamentou a situação ocorrida na Cidade Desportiva de Majadahonda: "Sobre a denúncia apresentada por uma jogadora do Torrelodones CF junto às autoridades locais por tentativa de intromissão na sua intimidade, no âmbito de um jogo da segunda divisão feminina nas nossas instalações, o Atlético de Madri manifesta total repulsa", avisou em comunicado. 

Pode isso?  Torcedor atira vibrador em campo durante jogo da NFL; assista ao vídeo

O clube colchonero também decidiu abrir uma investigação interna para tentar esclarecer a polêmica, que aconteceu em um dos anexos dos dois campos de grama artificial do seu complexo, onde ficam as instalações femininas. Como haviam muitas pessoas no local para acompanhar o duelo, o Atlético de Madri considerou "difícil dizer quem fez isso". Em todo caso, o time da capital promete achar o culpado e evitar que a filmagem vaze.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas