Tamanho do texto

Anúncio foi feito pela Federação Alemã de Futebol (DFB), onde o ex-centroavante de 38 anos dará seus primeiros passos como treinador

Klose comemora o segundo gol da Alemanha diante do Brasil, o que o deixou como maior artilheiro das Copas
Divulgação
Klose comemora o segundo gol da Alemanha diante do Brasil, o que o deixou como maior artilheiro das Copas

Maior artilheiro da história das Copas do Mundo, o atacante alemão Miroslav Klose confirmou nesta terça-feira  sua aposentadoria dos gramados e o início de sua carreira como técnico. O anúncio foi feito pela Federação Alemã de Futebol (DFB), onde o ex-centroavante de 38 anos dará seus primeiros passos como estagiário de Joachim Löw, treinador da seleção alemã principal.

LEIA MAIS:  Inter de Milão demite técnico holandês e tenta amenizar a crise

Klose deixou a Lazio no fim da temporada 2015/16 e desde então estava sem clube. A confirmação da aposentadoria encerra os rumores de que poderia voltar a jogar. Na DFB, o ex-atacante fará um curso de técnico e um estágio para iniciar a nova carreira. Circula na imprensa local a hipótese de ele assumir em um futuro próximo uma das seleções juvenis da Alemanha.

LEIA MAIS:  CBF faz balanço positivo dos jogos do Brasileirão realizados às 11h

"Na seleção eu comemorei o maior sucesso da minha carreira, foi lindo e nunca esquecerei. Esta ideia de retornar à equipe amadureceu nos últimos meses e agora tenho uma nova perspectiva, a de ser um treinador de futebol. Por isso tenho que desenvolver estratégias e analisar as táticas. Terei essa oportunidade com Löw, fico grato por poder aperfeiçoar na prática", disse o agora ex-jogador de 38 anos ao site da Federação Alemã.

CARREIRA

Com passagens por Homburg, Kaiserslautern, Werder Bremen e Bayern de Munique, Miroslav se destacou principalmente entre os clubes que jogou na Lazio, onde jogou 171 vezes e marcou 64 gols entre 2011 e 2016. No Bremen, entre 2004 e 2007, participou de 132 partidas e guardou nas redes 63 bolas. Ele se destacou também com a camisa alemã, que defendeu de 2001 a 2014 (137 jogos e fez 71 gols) e com a qual disputou quatro Copas do Mundo.

LEIA MAIS:  Estado Islâmico obriga menino a arrancar símbolo do Real Madrid da camisa

Na última delas, no Brasil, o ex-atacante tornou-se o maior artilheiro da história dos Mundiais, com 16 gols, superando o brasileiro Ronaldo Fenômeno, que tem 15. O histórico tento foi marcado por Klose justamente na goleada histórica de 7 a 1 da Alemanha sobre a seleção brasileira, na semifinal, no estádio do Mineirão.

*Com informações de Ansa