Tamanho do texto

27ª rodada do Campeonato Brasileiro ainda viu o Cruzeiro se juntar ao Internacional na zona de rebaixamento; Corinthians caiu para sétimo

Mina marcou o segundo gol da vitória do líder Palmeiras sobre o Coritiba
Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação
Mina marcou o segundo gol da vitória do líder Palmeiras sobre o Coritiba

A partida entre Atlético-MG e Internacional encerrou a 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Rodada essa que viu o líder Palmeiras, o segundo colocado Flamengo e o próprio time mineiro abrirem vantagem do Santos, quarto colocado, e dos postulantes ao G4, além de terminar com dois campeões, Cruzeiro e Internacional, na zona de rebaixamento. Vale destacar também que apenas um visitante não perdeu, no restante, foram nove vitórias dos mandantes em dez partidas.

VEJA COMO ESTÁ A TABELA E ARTILHARIA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

PALMEIRAS X CORITIBA

O primeiro jogo da rodada foi do líder Palmeiras, que recebeu o Coritiba no Allianz Parque. Após um primeiro tempo truncado, o alviverde cresceu logo no início do segundo e marcou aos cinco minutos com Leandro Pereira, que entrou no intervalo no lugar de Erik. Antes, Gabriel Jesus já havia carimbado o travessão do goleiro Wilson. A pressão deu certo e aos 11 minutos Mina, após jogada ensaiada, fez o segundo. O jogo ficou morno, sob total controle do Palmeiras, que ainda viu, aos 30 minutos, o Coxa diminuir com Iago, mas a reação ficou por aí, final: Palmeiras 2 x 1 Coritiba. O time paranaense com 33 pontos, caiu uma posição na tabela.

SPORT X SANTOS

Um pouco mais tarde, o Santos foi até a Ilha do Retiro para enfrentar o Sport e não se deu bem. A equipe pernambucana começou muito bem e pressionou criando duas boas chances até que, aos dez minutos, Rogério recebeu dentro da área e abriu o placar. Depois disso, o jogo foi lá e cá, com o alvinegro colocando bola na trave e o rubro-negro com chances claras de ampliar o marcador. No segundo tempo o Santos pressionou e teve diversas chances para empatar, mas acabou parando nas defesas de Magrão, que completou 600 jogos com o Sport, e na má pontaria de seus jogadores. Final: Sport 1 x 0 Santos. O resultado deixa o Santos estagnado mais longe dos líderes e o Sport um pouco distante do Z4.

AMÉRICA-MG X BOTAFOGO

Ainda no sábado, o desesperado e virtualmente rebaixado América-MG enfrentou o Botafogo no Independência. Com Camilo, um de seus principais jogadores aparecer, o Botafogo não apresentou muitos perigos à meta de Fernando Leal na primeira etapa, assim como Sidão não foi ameaçado. No segundo, a equipe mineira tentou sair mais e criou boas chances com Matheusinho. Aos 19 minutos, Jonas abriu o placar após boa jogada de Ernandes. Depois disso o Botafogo persistiu, mas não conseguiu furar o bloqueio mineiro. Final: América-MG 1 x 0 Botafogo. O resultado reacende as esperanças do time americano e esfria as chances dos cariocas.

ATLÉTICO-PR X PONTE PRETA

No domingo, às 11h, o Atlético-PR encarou a Ponte Preta na Arena da Baixada e não deu chances para o escrete campineiro. Após primeiro tempo morno, o rubro-negro paranaense fez o primeiro de pênalti aos 46 com o zagueiro Thiago Heleno. No segundo, a Ponte seguiu sem chances, ainda mais depois da expulsão do atacante William Pottker aos 13. Léo, aos 22, fez o segundo gol atleticano, que ampliou aos 32 novamente com Thiago Heleno. Final: Atlético-PR 3 x 0 Ponte Preta. O resultado deixa o Atlético mais perto do G4, com 42 pontos. A Ponte caiu para a nona colocação, com 39 pontos.

Atlético-PR encostou no G4 na 27ª rodada com vitória sobre a Ponte Preta por 3 a 0
Reprodução
Atlético-PR encostou no G4 na 27ª rodada com vitória sobre a Ponte Preta por 3 a 0

FIGUEIRENSE X SANTA CRUZ

Ainda no "horário família", Figueirense e Santa Cruz se enfrentaram no Orlando Scarpelli. Com apenas 31 segundos, o time da casa abriu o plcar com Ayrton e a partir daí só administrou as ações. Keno, atacante do Santa, fez duas boas jogadas consecutivas, mas que não ofereceram risco ao gol de Gatito Fernandez. Aos 37, Lins recebeu lançamento, chapelou o goleiro Tiago Cardoso e fez o segundo. O terceiro saiu aos 14 do segundo tempo após Lins arriscar de fora da área e a bola desviar no zagueiro Danny Morais e encobrir o goleiro. Aos 20, Keno fez o de honra do tricolor pernambucano, mas foi só. Final: Figueirense 3 x 1 Santa Cruz. O Figueira deixou a zona de rebaixamento,já o Santa segue na penúltima posição.

GRÊMIO X CHAPECOENSE

Mais tarde, o Grêmio recebeu a Chapecoense em sua Arena e voltou a vencer após sete jogos de jejum. O gol da vitória saiu logo aos nove minutos do primeiro tempo, com um contra-ataque puxado por Wallace, que recebeu de Luan e cruzou para Pedro Rocha bater de primeira e fazer. Na segunda etapa, o tricolor gaúcho administrou a magra vantagem e jogou nos contra-ataques. A Chape pressionou, mas não furou o bloqueio gremista. Final: Grêmio 1 x 0 Chapecoense. Com a vitória, os gaúchos chegaram aos 40 pontos e subiram três posições na tabela. Já os catarinenses, com 38 pontos, caíram para a 11ª colocação.

VITÓRIA X SÃO PAULO

No mesmo horário, Vitória e São Paulo se enfrentaram no Barradão. A etapa inicial foi muito equilibrada, com duas bolas na trave do rubro-negro baiano e uma do tricolor paulista. Já no segundo tempo, aos seis minutos, Marinho cobrou falta no ângulo esquerdo de Dênis e abriu o marcador. O São Paulo tentou pressionar os baianos, que passou a jogar nos contra-ataques. Em outra bola parada, Kieza tentou desviar, mas Lyanco, zagueiro tricolor, acabou fazendo contra aos 26. No fim, Zé Love ainda perdeu chance incrível de ampliar. Final: Vitória 2 x 0 São Paulo. O time paulista segue estagnado com 34 pontos na 12ª posição, enquanto os baianos abrem dois pontos de vantagem da zona de rebaixamento.

CORINTHIANS X FLUMINENSE

Corinthians perdeu para o Fluminense por 1 a 0 com gol nos últimos minutos
Reprodução
Corinthians perdeu para o Fluminense por 1 a 0 com gol nos últimos minutos

Em Itaquera, Corinthians e Fluminense reeditaram o confronto que deu o que falar das oitavas de final da Copa do Brasil. O primeiro tempo foi muito disputado, mas nenhuma das equipes chegou realmente à oferecer perigos aos goleiros. Mas teve tempo para mais um lance polêmico, onde os jogadores do tricolor carioca pediram pênalti em Marcos Júnior. Na etapa final, os dois times saíram mais para o jogo e o alvinegro paulista chegou a dominar a partida. Até que aos 49, Cícero marcou o único gol do jogo. No início da jogada, Gum, no entanto, estava em posição irregular. Final: Corinthians 0 x 1 Fluminense. Única vitória dos visitantes na rodada. Com a derrota, os paulistas caíram para a sétima posição, com 41 pontos, já os cariocas chegaram aos 43, na quinta colocação.

FLAMENGO X CRUZEIRO

Após ver o Palmeiras fazer sua lição de casa, o Flamengo entrou "pressionado" em Cariacica-ES para enfrentar o Cruzeiro. No primeiro tempo, o rubro-negro tomou conta e encurralou os mineiros na defesa, mas não marcou. No segundo, claramente mais cansados, os cariocas não mantiveram o mesmo ritmo. Aos 29, em um contra-ataque, Rafinha conseguiu driblar os defensores e abriu o placar. A partir daí o Flamengo foi pra cima, até que aos 38 Guerrero empatou. Aos 39 e aos 41 minutos, o cruzeirense Ábila perdeu duas chances incríveis. Quem não faz, toma! Aos 43 minutos, Mancuello recebeu de Alan Patrick e fez o da virada. Final: Flamengo 2 x 1 Cruzeiro. O resultado faz com que o rubro-negro siga colado com o líder, já o Cruzeiro voltou à zona de rebaixamento.

Guerrero marcou o primeiro do Flamengo diante do Cruzeiro
Gilvan de Souza / Flamengo
Guerrero marcou o primeiro do Flamengo diante do Cruzeiro

ATLÉTICO-MG X INTERNACIONAL

Um dos melhores mandantes do Brasileiro, o Atlético-MG recebeu o Internacional no Independência para fechar a 27ª rodada. Apesar de estar no Z4, o Inter começou bem, mas viu Fred marcar e jogar um balde de água fria em suas ações após cruzamento de Robinho aos 14 minutos. Aos 28, Clayton fez o segundo do Atlético. Dois minutos depois, o Inter descontou com Gustavo Ferrareis. Na segunda etapa, o jogo ficou mais truncado com os gaúchos buscando o empate, mas novamente, dessa vez com Lucas Pratto, os mineiros jogaram um balde de água fria ao marcar o terceiro aos 35 minutos, o que liquidou o jogo. Final: Atlético-MG 3 x 1 Internacional. O resultado faz com que o Atlético abra vantagem do Santos e siga na cola dos líderes, já os Colorados continuam na zona de rebaixamento, com 27 pontos.

Atlético-MG bateu o Internacional por 3 a 1 e continua na cola de Palmeiras  e Flamengo
Reprodução
Atlético-MG bateu o Internacional por 3 a 1 e continua na cola de Palmeiras e Flamengo

Na próxima rodada, que acontece somente no sábado, por conta das eleições municipais no domingo, e na segunda-feira, teremos os seguintes confrontos: Fluminense x Sport, São Paulo x Flamengo, Santos x Atlético-PR, Chapecoense x Vitória, Botafogo x Corinthians, Ponte Preta x Atlético-MG, Cruzeiro x Grêmio, Internacional x Figueirense, Santa Cruz x Palmeiras e Coritiba x América-MG.