Tamanho do texto

Zagueiro, um dos principais reforços para 2016, será a novidade na partida desta quarta-feira pelo torneio amistoso

O zagueiro Henrique reforça o Fluminense na Florida Cup
Nelson Perez/Fluminense FC/Divulgação
O zagueiro Henrique reforça o Fluminense na Florida Cup

Na despedida da Florida Cup, o Fluminense terá um importante teste contra o Internacional, hoje, às 22h, no Estádio Lockhart. Como a dúvida sobre o aproveitamento de Fred, que se recupera de dores musculares na panturrilha, o técnico Eduardo Baptista pretende aproveitar a partida para fazer novas observações. Reserva no empate com o Shakhtar Donetsk, Henrique deve ser uma das novidades entre os titulares na partida que terá transmissão pela SporTV.

Contratado ao Napoli por cerca de R$ 8 milhões, o reforço foi a principal aposta da diretoria para reforçar o criticado sistema defensivo. Em 2015, o Tricolor sofreu 79 gols em 62 partidas. Ex-Ponte Preta, Renato Chaves é outro zagueiro que deverá ser testado no decorrer da partida. Apesar da preocupação com a montagem da equipe, Baptista já adiantou que utilizará Ronaldinho contra o Inter.

Leia: Tite promove volta de Cássio na despedida do Corinthians da Florida Cup

O apoiador assinou um contrato pontual para reforçar o clube no torneio e tem cumprido o papel de ‘embaixador’ nas ações de marketing nos Estados Unidos. Herdeiro da camisa 10 que pertenceu a Ronaldinho, Diego Souza recebe um tratamento especial da comissão técnica. Em busca da melhor forma, o apoiador conta com o apoio do comandante tricolor.

“Diego não está na forma ideal. Trouxe ele para fazer a função de volante e taticamente foi fundamental (contra o Shakhtar). Ainda está longe do que espero. Ele vem se dedicando e muito em breve vai estar em condição boa para nos ajudar”, disse técnico ao ‘Globoesporte.com’.

Em vias de rescindir o contrato de patrocínio master com a Viton 44, que deve R$ 5 milhões ao clube, o Fluminense mantinha conversas com a Caixa Econômica Federal, mas ficou fora da lista dos contemplados com a entidade. A demora para conseguir as Certidões Negativas de Débito (CND) dificultou o acerto com o banco.

Shakhtar mira Marcos Junior e Nem fica mais perto

Ao que parece, a novela Wellington Nem está nos capítulos finais. Pelo empréstimo de um ano do atacante, o Flu deve ceder Marcos Junior ao Shakhtar Donetsk pelo mesmo período, com o valor dos direitos fixados. O confronto pela Florida Cup, no domingo, aproximou os dois clubes, que adotam o sigilo nas tratativas.

A venda de Nem rendeu ao clube cerca de R$ 17 milhões em 2013. O brilho ao lado de Fred não se repetiu na Ucrânia. Vítima de seguidas lesões, ele não emplacou sob o comando de Mircea Lucescu e jogou 24 vezes em pouco mais de dois anos.


Fonte:  O Dia