Tamanho do texto

Derrota por 3 a 0 para os cariocas aconteceu apenas dois dias depois de o time pernambucano ter entrado em campo e perdido do São Paulo

Juninho em ação pelo Vasco contra o Náutico
Flickr/Vasco
Juninho em ação pelo Vasco contra o Náutico

Com dois jogos atrasados no Campeonato Brasileiro , o Náutico fez uma das partidas remarcadas nesta terça-feira, contra o São Paulo, na Arena Pernambuco. Dois dias depois, o entrou em campo contra o Vasco , também em Recife, e sentiu o cansaço. Diante da torcida, segurou o empate no primeiro tempo, mas viu a equipe de São Januário deslanchar na segunda metade e vencer por 3 a 0. O experiente meia Juninho não tem dúvidas sobre o fator decisivo para o resultado.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Foram dois tempos distintos, não que a gente tenha feito um ruim primeiro tempo, mas, nitidamente, o Náutico não conseguiu manter o ritmo. A gente sentiu que houve uma queda de rendimento por ter jogado na terça. No segundo tempo, conseguimos fazer os gols e construir a vitória", avaliou Juninho Pernambucano.

Poupado no início do jogo, o experiente meia vascaíno entrou apenas no segundo tempo e mudou o panorama da partida, deixando o time carioca com mais tranquilidade para chegar ao gol. A mudança logo surtiu efeito e, aos dois minutos da etapa complementar, o Vasco balançou as redes e deu início a boa vitória na Arena Pernambuco.

A partida também teve um sabor especial para Juninho por ter sido a última do jogador no estado em que foi revelado. O  meio-campista iniciou a carreira no Sport, e assim ganhou o apelido de Pernambucano. Agora, com 38 anos, já anunciou que pretende se aposentar no final desta temporada com a camisa vascaína.

Ainda longe dos líderes, Juninho Pernambucano tinha a missão de comandar o Vasco na luta contra o rebaixamento. Com o triunfo de hoje, o time se afastou da degola e chegou ao décimo lugar. Na próxima rodada, o clube carioca recebe o embalado Atlético-PR, às 18h30 (de Brasília), em São Januário.

*com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.