iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

08/05 - 14:32

Briga pela artilharia do Brasileirão 2009 promete ser acirrada
Atacantes de clubes mineiros lideram as estatísticas de maiores goleadores; jovens Keirrison e Taison vêm logo na sequência

Por Mário André Monteiro, do iG Esporte


SÃO PAULO – Em 2008, três jogadores terminaram o Campeonado Brasileiro como principais goleadores. Kléber Pereira, do Santos, Washington, na época do Fluminense e hoje no São Paulo, e Keirrison, atuando pelo Coritiba, mas que já é do Palmeiras, fizeram 21 gols cada um.

Os três estarão em campo na Série A de 2009 e ganharam uma fortíssima concorrência. Ninguém menos do que Fred, do Fluminense, Ronaldo, do Corinthians, e Adriano, do Flamengo, entrarão na briga para ver quem será o artilheiro deste ano. Esses jogadores que voltaram ao Brasil estiveram na última Copa do Mundo de 2006 e fizeram gols pela seleção brasileira.

Além deles, outros jogadores brilharam nos campeonatos estaduais e prometem engrossar a lista de atletas que brigam pela ponta da artilharia. Quem tem a melhor média do ano é Diego Tardelli, do Atlético-MG. Nas 23 partidas que disputou, o atacante do Galo já balançou as redes 23 vezes, média de um gol por jogo.

Ainda em Minas Gerais, um jogador que não sabia que era goleador, mas descobriu a qualidade e agora desandou a fazer gols é Kleber, do Cruzeiro. O “Gladiador” tem 16 jogos em 2009 e já marcou 15 gols, alcançando a média de 0,94 tentos por partida.

No Internacional, dois atletas podem fazer bonito no Brasileiro. Nilmar já anotou 14 vezes nas 20 partidas que disputou, enquanto seu companheiro de ataque Taison fez 20 gols nos 24 jogos em que esteve em campo no ano, média de 0,83. No rival Grêmio, a aposta é em Máxi Lopez, que já mostrou que sabe fazer gols quando esteve no River Plate e Barcelona.

Veja abaixo os principais atacantes que estarão em campo no Brasileirão e seus desempenhos até aqui no ano:

Diego Tardelli (Atlético-MG) – 23 jogos, 23 gols – 1 por jogo
Kleber (Cruzeiro) – 16 jogos, 15 gols – 0,93 por jogo
Taison (Internacional) – 24 jogos, 20 gols – 0,83 por jogo
Keirrison (Palmeiras) – 23 jogos, 19 gols – 0,83 por jogo
Ronaldo (Corinthians) – 13 jogos, 10 gols – 0,77 por jogo
Pedrão (Barueri) – 22 jogos, 16 gols – 0,73 por jogo
Rafael Moura (Atlético-PR) – 25 jogos, 17 gols – 0,68 por jogo
Gilmar (Náutico) – 28 jogos, 19 gols – 0,68 por jogo
Neto Baiano (Vitória) – 30 jogos, 20 gols – 0,67 por jogo
Felipe (Goiás) – 24 jogos, 16 gols – 0,67 por jogo
Kleber Pereira (Santos) – 22 jogos, 14 gols – 0,64 por jogo
Washington (São Paulo) – 22 jogos, 14 gols – 0,64 por jogo
Victor Simões (Botafogo) – 18 jogos, 11 gols – 0,61 por jogo
Ciro (Sport) – 25 jogos, 15 gols – 0,6 por jogo
Marcelinho Paraíba (Coritiba) – 19 jogos, 11 gols – 0,58 por jogo
Fred (Fluminense) – 7 jogos, 4 gols – 0,57 por jogo
Evando (Avaí) – 19 jogos, 9 gols – 0,47 por jogo
Máxi Lopez (Grêmio) – 11 jogos, 5 gols – 0,45 por jogo
Antônio Flávio (Santo André) – 18 jogos, 6 gols – 0,33 por jogo


Leia mais sobre: Artilheiros Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Agência Estado

Tardelli

Diego Tardelli
Atacante do Atlético-MG tem a melhor média de gols do ano entre os atacantes do Brasil

Topo
Contador de notícias