Nas três últimas edições de Jogos Olímpicos a América do Sul indicou seus representantes a partir dos melhores colocados do Campeonato Sul-Americano Sub-20. Agora, em 2020, voltaremos a ter um torneio Pré-Olímpico, disputado na Colômbia, para definir os dois sul-americanos no torneio masculino de futebol das Olimpíadas de Tóquio.

O Brasil tem péssimas lembranças da última edição de Pré-Olímpico realizada no continente. Foi em 2004, quando uma geração fortíssima em nomes, liderada por Diego e Robinho, acabou perdendo a vaga nos Jogos de Atenas para o Paraguai. Um fracasso histórico.

Comandado por Ricardo Gomes, aquela seleção brasileira ainda tinha estrelas como Elano, Alex, Paulo Almeida, Maicon, Maxwell, Gomes, Edu Dracena, Dudu Cearense, Fábio Rochemback, Dagoberto, Daniel Carvalho e Nilmar - todos brilhando por seus times. Caso jogasse o torneio de futebol em Atenas, ainda seria reforçada com Kaká, Júlio Baptista e Adriano Imperador.

Com muito clima de favoritismo, a seleção olímpica era só festa desde o início do torneio. Nosso time sub-23 era pura descontração, prova foi o episódio em que Robinho abaixou o calção de Diego na concentração. Mas dentro de campo as coisas desandaram e o Brasil foi eliminado pelo Paraguai, na última rodada, com gol de De Vaca. De lembrança boa naquele torneio, só o gol de Maicon ao estilo Maradona.

Relembre tudo isso no vídeo de hoje.

Conheça o Última Divisão:

Youtube
Facebook
Instagram
Twitter 

    Veja Também

      Mostrar mais