NBA
Reprodução/Twitter
Ala-armador dos Pacers anunciou que testou positivo na última quarta-feira (24)

Nesta sexta-feira (26), a NBA (National Basketball Association) e a NBPA (Associação de Atletas Profissionais de Basquete) anunciaram que 16 dos 302 jogadores submetidos a testes para COVID-19 apresentaram resultados positivos.

Segundo informações da assessoria da NBA no Brasil, todos que testaram positivo para o novo coronavírus (Sars-Cov-2) permanecerão em isolamento, obedecendo protocolos e orientações de saúde pública para recuperação, e a liberação só será feita após avaliações de médicos.

Na última quarta-feira (24), o ala-armador do Indiana Pacers, Malcolm Brogdon, anunciou em comunicado que testou positivo: "Eu recentemente testei positivo para o vírus COVID-19 e estou atualmente em quarentena", disse. "Estou bem, me sentindo bem e evoluindo bem. Planejo me reunir com meus colegas em Orlando para o resumo da temporada e dos playoffs da NBA."

A informação chega no momento em que as franquias começam a se movimentar para tornar realidade a ideia de retomada da temporada 2019/2020, que foi paralisada devido a pandemia . Conforme ficou acordado, o retorno deve ocorrer a partir do dia 31 de julho no complexo esportivo da Disney, na Flórida.

O local das disputas, inclusive, tem sido tema de debate devido ao aumento recente no número de casos da doença no estado. A Flórida vem batendo recorde atrás de recorde nos últimos dias, chegando a somar mais de cinco mil novos casos diários da Covid-19 .

    Veja Também

      Mostrar mais