Kobe Bryant arrow-options
Reprodução
Kobe Bryant se aposentou das quadras em 2015


Este poema foi publicado em inglês por Kobe Bryant no site "Player's Tribune" em 30 de novembro de 2015, quando o jogador dos Lakers anunciou que aquela era sua última temporada na NBA.

Leia também: Kobe Bryant morre em acidente de helicóptero nos Estados Unidos

O poema gerou uma produção que ganhou o Oscar de 2018 como melhor curta-metragem de animação.

Kobe Bryant morreu neste domingo em um acidente de helicóptero, na Califórnia.

CARO BASQUETE

A partir do momento

Em que comecei a fazer bolas com as meias do meu pai

E a arremessei na imaginação

Cestas decisivas

Eu soube que algo era real:

Eu me apaixonei por você.

Um amor tão profundo que eu me dei por inteiro

Da mente e do corpo

Ao meu espírito e minha alma.

Como um garoto de seis anos

Profundamente apaixonado por você

Eu nunca vi o fim do túnel.

Eu só me via

Saindo de um, na corrida.

Joguei enfrentando suor e dor

Não porque o desafio me chamou

Mas porque VOCÊ me chamou.

Fiz tudo por VOCÊ

Porque é isso que você faz

Quando alguém faz você se sentir

Tão vivo quando fez comigo.

Você deu a um garoto de seis anos seu sonho Laker

E eu sempre vou te amar por isso.

Mas eu não posso mais amar você tão obsessivamente.

Esta temporada é tudo que tenho para dar

Meu coração pode aguentar as batidas

Minha mente pode lidar com a rotina

Mas meu corpo sabe que é hora de dizer adeus.

E tudo bem.

Estou pronto para deixar você ir

Eu quero que você saiba agora

Para que nós dois possamos saborear cada momento que ainda nos resta.

Os bons e os maus.

Cada um de nós deu

Tudo que tínhamos.

E nós dois sabemos, não importa o que eu venha a fazer,

Sempre serei aquele garoto

Com as bolas de meia

Lata de lixo no canto

Cinco segundos para o sinal

Bola nas mãos

5... 4... 3... 2... 1

Te amo para sempre

Tradução: Márvio dos Anjos

    Leia tudo sobre: NBA

    Veja Também

      Mostrar mais