Tamanho do texto

De acordo com um diretor, que preferiu não se identificar, aplicativo de relacionamento fez com que atletas diminuíssem idas às boates

O Tinder, conhecido aplicativo de relacionamentos, utilizado por pessoas de todas as idades e sexos ao redor do mundo, tem auxiliado no desempenho dos jogadores da NBA, a liga de basquete dos Estados Unidos, principalmente em partidas fora de casa. É o que revela a reportagem do jornalista americano Tom Haberstroh para a "Revista ESPN".

Leia também: Shaquille O'Neal e sua teoria absurda de que planeta Terra é plano, não redondo

"É a 'Tinderização' da NBA. É como um aplicativo de encontros. Os atletas não têm mais necessidade de ir às boates mais”, disse um diretor de uma equipe da liga, que preferiu não se identificar. Um jogador, que também não revelou sua identidade, confirmou que o Tinder ajuou no desempenho e afirmou que viagens com aviões particulares dos times são necessárias.

Dirigente de time da NBA revelou que o Tinder, aplicativo de paquera, tem ajudado no desempenho dos jogadores fora de casa
Forbes/Divulgação
Dirigente de time da NBA revelou que o Tinder, aplicativo de paquera, tem ajudado no desempenho dos jogadores fora de casa

“É absolutamente uma verdade isso. Em relação há 15 anos atrás, você ganha pelo menos mais umas duas horas de sono se estiver dormindo deitado. Você também agora não vai mais a boates. Nem tem que arrumar alguma coisa para comer depois da saída da boate e da volta para o hotel”, afirmou o ex-All-Star.

Leia também: LeBron se irrita com pai de promessa: "Deixe minha família fora de sua boca"

A reportagem ainda cita a rede social Instagram como uma forma popular de comunicação para os jogadores entediados após um jogo. Além de passarem menos tempo em festas e com voos mais confortáveis, outra coisa tem ajudado os jogadores. Com medo de fotos e vídeos sejam divulgados na web, muitos preferem ficar nos hotéis descansando a sair para eventos em locais públicos.

Leia também: Russell Westbrook pode quebrar recorde da NBA que já dura 55 anos

James Harden, o Barba, do Houston Rockets, é um dos melhores jogadores atualmente da NBA e também curte uma badalação

Os números

Ao analisarmos os números recentes, as equipes fora de casa obtiveram um aproveitamento de 39,9% na temporada 2007-08, em 2010-11, ano que o Instagram foi lançado, passou para 39,6%, já em 2013-14, um ano depois do lançamento do Tinder, passou a 42%. Nesta temporada, de acordo com a publicação, 42,6%, o que seria o melhor número da história.

    Leia tudo sobre: NBA