Três vezes campeão da NBA, LeBron James, com certeza, será lembrado para sempre como um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos. Dentro de quadra ele é completo, dá show nas enterradas, nos arremessos de longe e ainda com tocos decisivos, mas o que nem todos sabem é que um dos três filhos do craque tem tudo para seguir os rumos do pai.

Leia também: LeBron James pede desculpa à esposa e diz que "verdadeiro homem chora"

Aos 12 anos, LeBron James Jr. já cria grandes expectativas para quem o assiste e mostra estar um nível acima das crianças de sua idade. Mesmo ainda na escola, muitos já questionam se o talento do astro foi passado geneticamente para o filho, além, é claro, dos traços e jeitos.

LeBron James Jr. ao lado do pai e da irmã após o título da NBA do Cleveland Cavaliers
Reprodução
LeBron James Jr. ao lado do pai e da irmã após o título da NBA do Cleveland Cavaliers

No último final de semana, em Houston, no Texas, Junior participou do John Lucas All-Star Weekend, espécie de All-Star Weekend da NBA, mas que reúne os melhores atletas mirins do basquete norte-americano que estão entre a 2ª e a 8ª série, e deixou bem claro que tem um futuro promissor em um dos esportes mais populares do país.

Você viu?

Leia também: Em menos de um minuto, novo reforço do Cavaliers fratura a tíbia; veja o lance

Assista aos lances de LeBron James Jr. no vídeo abaixo

Após o evento, LeBron deu uma entrevista e mostrou estar orgulhoso do seu filho, além de dizer que LBJ domina e arremessa melhor a bola do que ele próprio quando tinha a mesma idade.

"Eu não lidei com a bola tão bem quanto ele. Ele controla a bola excepcionalmente e ele arremessa muito melhor do que eu fiz naquela idade, mas eu sempre tive a habilidade de passar a bola. É bom vê-lo fazendo isso também”, afirmou o ala do Cleveland Cavaliers.

Leia também: Curry se torna o 10º maior arremessador de 3 pontos; veja quem ele pode alcançar

Posted with my Young Kings!! #JamesGang #StriveForGreatness

Uma publicação compartilhada por LeBron James (@kingjames) em

Com o talento demonstrado, o jovem já tem ofertas de bolas escolares de universidades tradicionais como Duke e Kentucky, isso mesmo antes de se graduar no ensino médio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários