Tamanho do texto

Astro do Cleveland Cavaliers foi criticado pelo ex-jogador Charles Barkley e respondeu de forma dura depois da derrota para o Dallas Mavericks

Mesmo com seu time, o Cleveland Cavaliers, na liderança da Conferência Leste da NBA, o astro LeBron James falou que a franquia atual campeã precisa contratar reforços para chegar ao bicampeonato da liga. O tema, então, passou a ser discutido nos Estados Unidos e, em um programa de TV, o ex-jogador Charles Barkley criticou o astro e o chamou de estrela mimada.

LEIA MAIS: Oscar Schmidt treina para finalmente jogar na NBA; assista

LeBron não deixou barato e, após a derrota para o Dallas Mavericks na noite de segunda-feira (30), por 104 a 97, fez o que não costuma fazer quando se trata de grandes jogadores do basquete e atacou Barkley, ex-jogador do Philadelphia 76ers, Phoenix Suns e Houston Rockets e eleito MVP (jogador mais valioso) em 1993.

LeBron James criticou o ex-jogador da NBA, Charles Barkley
Divulgação/Cleveland Cavaliers
LeBron James criticou o ex-jogador da NBA, Charles Barkley

"O que o faz ter credibilidade? Estar na TV? Não vou deixar que ele desrespeite meu legado dessa forma. Não sou aquele que atirou alguém em uma janela. Nunca cuspi em criança. Não tenho dívidas em Las Vegas. Nunca disse que era um modelo a ser seguido. Nunca cheguei a um fim de semana do All-Star no domingo porque estava em Vegas festejando. Tudo que fiz na minha carreira foi representar a NBA da forma correta. Quatorze anos sem arrumar problema. Respeitando o jogo. Guarde isso", afirmou King James, em entrevista à ESPN americana.

LEIA MAIS: Nenê Hilário é o primeiro brasileiro a atingir a marca dos 10 mil pontos na NBA

Questionado sobre as amizades com Dwayne Wade, Chris Paul e Carmelo Anthony, o quatro vezes MVP lembrou de um caso antigo para responder o ex-atleta.

"Veja a final de 1993 quando John Paxson faz o arremesso da vitória. Barkley e (Michael) Jordan estão rindo e brincando um com o outro em um dos jogos enquanto alguém arremessa um lance-livre. Nas finais. Mas, oh, ninguém era amigo nessa época", disse e ainda deixou claro que pode conversar com Barkley a hora que ele quiser, citando uma intriga com Phil Jackson para mostrar que falar pessoalmente pode ser melhor.

LEIA MAIS: Com bancos definidos, NBA revela os times para o All-Star Game 2017

"Fui a um jogo no Madison Square Garden dois anos atrás quando estava em Nova York ver o Carmelo. Eles enfrentaram Portlant. Fiquei em uma suite, e Phil Jackson não me dirigiu a palavra. Se essa situação fizer com que ele (Barkley) queira conversar comigo, o calendário está aí. Ele sabe cada arena em que eu estarei. Não venha apenas no All-Star apertar a minha a mão e sorrir", concluiu.

Temporada Regular

O atual campeão da NBA e finalista das duas últimas temporadas lidera o Leste com 32 vitórias e 15 derrotas. LeBron James terá a chance de aumentar a vantagem sobre o Boston Celtics (vice-líder) nesta quarta-feira (1º), contra o Minnesota Timberwolves.

    Leia tudo sobre: NBA