Tamanho do texto

Valor inicial do leilão está estimado em 4 milhões de dólares (cerca de R$ 12,7 milhões); carro ficará exposto em Hong Kong antes de ser adquirido

Considerado um dos carros mais importantes da carreira do piloto alemão Michael Schumacher, a Ferrari usada pelo heptacampeão na conquista do seu quarto título de Fórmula 1 , em 2001, será leiloada no próximo dia 16 de novembro. O valor inicial está estimado em 4 milhões de dólares (cerca de R$ 12,7 milhões).

Leia também: Filho de Schumacher homenageia o pai e se emociona no GP da Bélgica

A Ferrari usada por Michael Schumacher em 2001, quando conquistou o quarto título mundial de F1, será leiloada
Divulgação
A Ferrari usada por Michael Schumacher em 2001, quando conquistou o quarto título mundial de F1, será leiloada

O modelo usado por Schumacher é o F2001 , chassis 211. Ele será apresentado em Hong Kong de 28 de setembro até 3 de outubro e poderá ser arrematado no Leilão de Arte Contemporânea de Nova York, nos Estados Unidos, realizado pela leiloeira Sotheby's.

Segundo um comunicado divulgado pela empresa, o veículo foi utilizado pelo alemão em três provas da temporada de 2001 - incluindo as vitórias de Mônaco e da Hungria, justamente a prova que garantiu seu quarto título mundial.

Leia também: Michael Schumacher está "muito fraco" e família cogita seguir tratamento nos EUA

"A Ferrari F2001 é um dos carros mais importante da Fórmula 1 e está entre os mais significantes e preciosos veículos para coleção a nível mundial", diz a nota.

De acordo com o texto, "a oportunidade de adquirir uma Ferrari de F1, que foi guiada por Michael Schumacher, não aparece com frequência. Um carro vencedor é verdadeiramente especial, mas um carro que vence duas provas e conduziu o maior piloto da F1 a dois títulos mundiais não é nada além de sensacional", acrescenta o texto.

Leilão de 'aniversário'

Leia também: Senna e Schumacher já protagonizaram batidas propositais na Fórmula 1; relembre

O leilão do carro guiado por Michael Schumacher acontece no ano em que a Ferrari comemora 70 anos de sua fundação. Vale lembrar que o alemão está internado em estado grave desde 2013, quando sofreu um acidente enquanto praticava esqui na França. Desde então, nenhuma notícia sobre o ex-piloto foi divulgada pela família.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.