Tamanho do texto

Campeão da temporada 1976, Hunt ficou conhecido também por frase dita sobre Senna em 1988, quando ele era comentarista de uma TV britânica

James Hunt com o cigarro em uma mão, a cerveja em outra e uma bela mulher ao seu lado. O resumo de sua vida
Reprodução
James Hunt com o cigarro em uma mão, a cerveja em outra e uma bela mulher ao seu lado. O resumo de sua vida

Você sabe quem foi o campeão da temporada de 1976 da Fórmula 1? Não? Nós respondemos. Trata-se do britânico James Hunt, que faleceu há 23 anos, mas ainda é considerado um ícone. Teve como principal rival o austríaco Niki Lauda, além de competir na mesma época do brasileiro Emerson Fittipaldi. Fora isso, é o 5º colocado no Ranking da McLaren com 9 vitórias em sete temporadas na F1.

LEIA MAIS:  Dragster: consumo de Boeing 747 e velocidade acima de 500 km/h

Mas é impossível falar em James Hunt e não lembrar do legado de 'playboy' que foi deixado também fora das pistas pelo britânico. Relembre alguns casos.

Orgia com aeromoças

Em uma biografia lançada em 2010, o escritor Tom Rubython revelou uma história muito curiosa que aconteceu antes da corrida mais importante do britânico, em Tóquio, no Japão. Em "Shunt", jargão automobilístico, que em inglês significa 'acidente' ou 'pancada', Rubython conta que Hunt organizou uma orgia com 33 aeromoças que estavam no mesmo hotel do piloto e a festa terminou um pouco antes da prova.

LEIA MAIS:  Ayrton Senna: relembre dez frases marcantes do eterno ídolo brasileiro

O escritor relata que Barry Sheene, campeão de motovelocidade daquele ano e amigo de Hunt, também participava da orgia em Tóquio, que durou muitas horas e era regada a álcool, maconha e cocaína.

Curiosidades do título

Antes da corrida, o ex-piloto estava com uma garota japonesa nos boxes da McLaren e acabou flagrado por Patrick Head, que era co-proprietário da Williams, com o macacão nos tornozelos e deu apenas uma risada do momento inusitado.

Naquele mesmo fim de semana, Hunt proporcionou mais uma cena curiosa no circuito de Fuji ao simplesmente abrir o macacão e urinar ao ar livre. Os torcedores japoneses assistiram aquilo e simplesmente o aplaudiram quando ele finalizou o 'serviço'.

LEIA MAIS:  Maracanã: curiosidades sobre o estádio que já foi o "maior do mundo"

Mas tudo isso deu certo, ele chegou na terceira colocação, Lauda abandonou e o campeonato de Fórmula 1 daquele ano caiu em seu colo, com um ponto de vantagem. Vale ressaltar que austríaco tinha 52 pontos ante 28 do britânico na metade do campeonato, isso sem contar os descartes, conforme o regulamento da F1 na época.

Carreira de comentarista

James Hunt se aposentou em 1979 e se tornou comentarista da rede britânica BBC. Em 1988, durante a transmissão do Grande Prêmio do Japão, Ayrton Senna liderava a corrida debaixo de muita chuva, até que o comentarista falou o seguinte: "A não ser que haja uma interferência de Deus, estamos olhando o novo campeão mundial". Todos sabemos que ele estava certo. Senna chegou ao tricampeonato e Hunt é lembrado até hoje por conta dessa declaração.

O fim

Após se separar de Suzy Miller, James Hunt recebeu 1 milhão de dólares como ajuda de custo para o processo de divórcio e pôde viver tranquilamente com as muitas mulheres que tinha. Em 15 de junho de 1993, aos 45 anos, ele pediu a mão de Helen Dyson em casamento, mas horas depois, foi acometido por um ataque cardíaco dentro de casa e faleceu.