Renato Augusto confirma que está recuperado de lesão e garante bom ambiente no Corinthians
Lance!
Renato Augusto confirma que está recuperado de lesão e garante bom ambiente no Corinthians


Renato Augusto está recuperado de uma lesão na panturrilha. Nos últimos dias o meia finalizou o seu processo de transição física com o elenco do Corinthians e está à disposição para retornar à equipe.

+ Com Fausto Vera, Corinthians chega a 16 reforços na gestão de Duílio

A tendência é que o jogador esteja pelo menos no banco de reservas no duelo contra o Avaí, neste sábado (6), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Um dos líderes do elenco corintiano, Renato garantiu que se sente bem, mas alertou que precisará de tempo em campo para retomar a frequência de partida e se adaptar ao atual modelo de jogo do Timão.

- Hoje me sinto bem. Claro que ficar um tempo parado você acaba perdendo um pouco do ritmo, mas agora é aproveitar cada jogo, cada minuto em campo para adquirir esse ritmo. Me adaptar aos jogadores que chegaram, entender os companheiros e tentar classificar nas copas, onde estamos em situação delicada, e seguir firme no Brasileiro - disse o meia à Corinthians TV, antes da viagem do Timão à Florianópolis, onde joga neste fim de semana.

+ Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Derrotado nos jogos de ida das quartas de final da Copa do Brasil e Libertadores, contra Atlético-GO e Flamengo, respectivamente, o Corinthians precisará reverter dois placares de 2 a 0 contra nas duas próximas semanas. Além disso, o clube alvinegro segue na briga pelo título brasileiro, no qual é vice-líder e terá confronto direto com o primeiro colocado, que é o Palmeiras, no próximo sábado (13).

- Sempre ruim perder. Quando se está ganhando as coisas vão caminhando com mais facilidade, caminhando da melhor maneira possível. Mas a gente sabe que futebol não dá para ficar sempre ganhando. Usar os erros como aprendizado e evoluir, com todo grupo, diretoria, comissão técnica. Mais importante é estar o grupo fechado e unido para tentar reverter bem a situação e continuar bem no Brasileiro - destacou o camisa 8.

Renato Augusto entende que reencontrar o caminho das vitórias é o primeiro passo para reajustar a fase que não é boa. O meia também garantiu que o grupo está unido e focado para ‘virar a chave’.

- Eu sempre falo que no futebol o bom do momento ruim é que ele passa rápido, e o ruim do momento bom é que ele também passa rápido. Futebol te dá a oportunidade de poder dar a volta por cima, mas o mais difícil depois é tentar manter. O grupo fechado, unido para manter essa sequência de jogos por mais tempo possível - destacou o jogador.

- A gente sempre fala que quando ganha nunca tem problema nenhuma e quando perde tem problemas saindo da grandma mas a gente sabe aqui, como é a pressão e a gente tenta não pensar nisso, ver coisas de fora, a gente sofre também quer o time sempre vencendo, m mas o ambiente é espetacular, acho que isso nos ajuda a estar numa situação nessa. Estamos em segundo no Braisleioro e em duas quartas de final que não é simples jogar a cada dois, três dias. A gente tem um ambiente bom, grupo bom, independentemente do resultado temos que manter o ambiente bom para que a gente possa continuar brigando lá em cima - acrescentou Renato.

PROCESSO DE RECUPERAÇÃO

Renato Augusto está fora dos gramados desde o dia 19 de junho, quando o Corinthians venceu o Goiás, na Neo Química Arena, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o meia disse que as dores inciaram um jogo antes, no emapte em 1 a 1 contra o Athletico-PR, em Curitiba, no dia 15.

Porém, o jogador afirmou que o fato de ser a primeira vez que ele se lesionou na região da panturrilha não sabia muito bem explicar o que estava acontecendo, mas depois do triunfo contra o Esmeraldino sabia que não tinha condições de jogo.

É o mais chato, ficar trancado, todo mundo indo para campo, para o jogo, e você assistir jogo. A parte mais chata é você ficar fora. Nunca tive um problema desse, então não sabia dizer muito bem o que estava sentindo, gerou insegurança nessa volta. Começou contra o Athletico-PR, comecei a sentir um pouco de dor, no outro jogo, contra o Goiás, voltei a sentir dor, cada vez mais incomodado e no final do jogo eu já estava com muita dor, aí constatou uma pequena lesão. Tive que me readaptar a tudo isso. Quero deixar tudo isso para trás, pensar para frente e agora pensar no próximo jogo - explicou o meia.

Durante o processo de recuperação de Renato Augusto, o Timão trouxe de volta o fisioterapeuta Bruno Mazziotti, que já havia trabalhado com o jogador na primeira passagem dele no clube alvinegro e também na Seleção Brasileira.

Renato destacou a importância de Mazziotti no Corinthians e acrescentou sobre a relação pessoa que ele tem com o profissional do núcleo de saúde corintiano.

Eu sou muito grato a ele, desde a minha primeira passagem aqui, trabalhamos e crescemos juntos. Fui para a China e ele também foi, mas para outro time. A volta dele foi importante não só para mim, mas para o clube. Cara de altíssimo nível, um dos melhores, quem ganha com isso é ogrupo, o Corinthians. Amigo pessoal que tenho, de sair para almoçar, sair para jantar, independentemente de Corinthians ou lugar. Essa parte extracampo está sendo importante - comentou o ídolo corintiano.

Nesta temporada, Renato Augusto disputou 31 partidas. Foram três gols marcados e duas assistências no período.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários