Influenciadora adotou rotina fitness, perdeu 20kg e evitou cirurgia bariátrica
Lance!
Influenciadora adotou rotina fitness, perdeu 20kg e evitou cirurgia bariátrica


Sabe aquele ditado: "se a vida lhe der limões, faça uma limonada"? Pois bem, limão é o que não faltou à influenciadora Tailane Garcia nos últimos meses. E, apesar dos azedos iniciais, ela conseguiu dar a volta por cima através de atividades físicas e reeducação alimentar. Agora, ela vive uma das melhores fases dos seus 28 anos de vida.

Diagnosticada com esteatose hepática, popularmente conhecida como fígado gorduroso, a fluminense de Campo dos Goytacazes chegou a agendar a cirurgia de bariátrica, entretanto, devido a uma decepção no casamento, decidiu mudar sua forma de viver e passou a adotar uma rotina favorável à qualidade de vida, com atividades físicas e reeducação alimentar.

"Quando descobri a traição, entrei na pior fase da minha vida. Os primeiros quilos eu perdi naturalmente, longe do saudável; porém, aquilo me motivou de alguma forma. Sabia que ali se iniciava uma nova fase na minha vida. Desde então, passei a frequentar academia regularmente e a me alimentar melhor", revela Tailane.

"Hoje eu frequento academia todos os dias. Quando não consigo, eu dou um jeito de me exercitar em casa - geralmente afastando os móveis e dançando, pois ajuda muito no metabolismo. Nos finais de semana eu faço longas caminhadas", detalha a influenciadora, que passou dos 116 kg para os 94 kg.

Com mais de 4,7 milhões de seguidores no TikTok e mais de meio milhão no Instagram, Tailane Garcia quer que sua história sirva de motivação para outras mulheres que, assim como ela pensava no passado, imaginam que não é possível adotar uma rotina de atividade física e alimentação saudável.

"É preciso força de vontade. Depois dos primeiros resultados, a motivação é natural. Hoje a minha disposição é coisa fora do comum, eu consigo pegar meu filho no colo sem sentir dores, subo e desço as escadas sem ficar com falta de ar, as roupas cabem em mim e eu fico maravilhosa! Autoestima lá em cima", enfatiza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários