Time da NFL libera astro de cláusula de contrato que limitava seu tempo com games
Lance!
Time da NFL libera astro de cláusula de contrato que limitava seu tempo com games


O Arizona Cardinals voltou atrás e retirou um item, bem diferente, do contrato de renovação do quarterback Kyler Murray. A cláusula que o obrigava a se preparar para as partidas e o proibia de ter distrações como games, foi excluída. Na última semana, Murray firmou novo acordo com o Cardinals por cinco anos em um valor US$ 230,5 milhões (cerca R$ 1,2 bilhão).

+ Ex-Santos acerta com time turco, Braian Romero fecha com equipe brasileira… O Dia do Mercado!

Tido como um dos principais nomes do futebol americano, o quarterback também é criador de conteúdo da FaZe Clan. Tendo mais de 86 mil seguidores em seu canal da Twitch, onde faz streams frequentemente.

Em nota, o Arizona Cardinals confirmou que tomou a decisão pois a cláusula foi interpretada de maneiras inesperadas pelo time.

- Depois de vermos a distração que foi criada, removemos o adendo do contrato. Ele claramente foi interpretado de maneiras que nunca tivemos a intenção. Nossa confiança em Kyler Murray está tão alta quanto sempre foi, e nada demonstra mais a nossa crença em sua habilidade de liderar o time do que o comprometimento refletido em seu contrato - informa a franquia.

+ Galo FA acerta o retorno de Duzão, jogador brasileiro que defendeu o Miami Dolphins da NFL

Um episódio curioso da relação de Murray com os games aconteceu durante uma vitória do Cardinals sobre o Buffalo Bills, em 2020. O jogador decidiu a partida no último segundo e não ficou para comemorar com os companheiros de equipe. Ele voltou para casa para jogar Call of Duty para seu público online.

Segundo informações da ESPN norte-americana, o novo contrato vale US$ 230,5 milhões, tendo US$ 160 milhões garantidos. O salário anual de US$ 46,1 milhões de Murray ficará em segundo lugar entre os quarterbacks, atrás de Aaron Rodgers, do Green Bay Packers.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários