Cleber Sousa aplica nocaute brutal sobre Cássio Jacaré e fatura título no SFT 36
TATAME
Cleber Sousa aplica nocaute brutal sobre Cássio Jacaré e fatura título no SFT 36


Um retorno triunfal! No último sábado (23), Cleber Sousa somou sua segunda vitória desde que voltou ao SFT - no início deste ano -, e na luta principal do SFT 36, derrotou Cássio Jacaré por nocaute para reconquistar o cinturão peso-médio de MMA. Clebinho, vale citar, reinou na organização entre 2018 e 2019, quando ostentou os títulos dos meio-médios e médios.

No co-main event, Zé Reborn finalizou Janailson Kevin com uma justa guilhotina e deve ganhar posições importantes no ranking peso-mosca. Ao todo, o card contou com 12 combates, além de transmissão do canal SFT Combat no YouTube e da BandTV.

Cleber Sousa tem retorno triunfal

Apesar da vontade dos dois atletas, a luta principal do SFT 36, entre Cleber Sousa e Cássio Jacaré, começou morna e com muito estudo. Ao término do primeiro round, Jacaré tentou uma queda, mas não conseguiu completar.

O início do segundo assalto foi parecido, mas faltando 2 minutos para o fim da parcial, Clebinho mostrou o motivo de ser ex-campeão duplo do evento. Com um direto de esquerda, o lutador da Fight Leste/K2 MMA balançou Jacaré, e sentindo o bom momento, partiu pra cima com golpes brutais para decretar o nocaute.

Com o resultado, Cleber Sousa reconquistou o cinturão peso-médio do SFT e segue invicto na organização, agora com seis vitórias em seis lutas.

Zé Reborn finaliza Janailson Kevin

Vindo de um triunfo sobre Dé Loco, o peso-mosca Zé Reborn anotou mais um importante resultado em busca do objetivo de disputar o título da divisão até 57kg. Diante de Janailson Kevin no co-main event do SFT 36, Zé Reborn até teve trabalho, mas aproveitou uma brecha dada pelo adversário no segundo round e, com uma justa guilhotina, finalizou Janailson.

Mais combates do card principal

Ainda pelo card principal do SFT 36, Elaine Lopes e Edmilson Cai Cai derrotaram Andressa Gaúchinha e Wdison Fumaça, respectivamente, por decisão dos jurados, enquanto Gabriella Ribeiro nocauteou Beatriz França no segundo round em disputa válida pela modalidade Xtreme.

Trio se destaca no card preliminar

Repleto de bons combates, o card preliminar teve Claudio Rocha, Reginaldo Geraldo e Fernando Bad Time como destaques. No duelo de veteranos contra Rafael Soldado, o peso-médio Claudio balançou seu adversário com um soco de esquerda e, ainda no primeiro assalto, finalizou Soldado no mata-leão.

Antes, Reginaldo Geraldo, também mostrando um Jiu-Jitsu de qualidade, forçou os três tapinhas de João Paulo com um katagatame. Um dos principais nomes da divisão até 77kg, Reginaldo continua invicto no SFT - com três triunfos - e no MMA - com cinco.

Já Fernando Bad Time atropelou Daniel Canhoto com golpes no ground and pound para sacramentar o nocaute técnico no segundo round. O peso-galo chegou à marca de três vitórias e uma derrota em quatro combates pelo evento, e deve ter seu contrato renovado.

Além do trio, Gustavo Mota venceu Arthur Mamute por interrupção médica, enquanto Breno Marinho e Luís Fernando superaram Paulo Pizzo e Bruno Beirute, respectivamente, por decisão dos jurados.

Vale lembrar que no próximo sábado (30) acontece o SFT Xtreme 9, com transmissão da BandTV e Fernando Willians x Raphael Dengue pelo cinturão peso-leve na luta principal.

RESULTADOS COMPLETOS:

SFT 36
Clube Atlético Juventus, em São Paulo (SP)
Sábado, 23 de julho de 2022

Card principal

Cleber Sousa derrotou Cássio Jacaré por nocaute no 2R (cinturão)
Zé Reborn finalizou Janailson Kevin com uma guilhotina no 2R
Elaine Lopes derrotou Andressa Gaúchinha por decisão dividida dos jurados
Edmilson Cai Cai derrotou Wdison Fumaça por decisão unânime dos jurados
Gabriella Ribeiro derrotou Beatriz França por nocaute no 2R (Xtreme)

Card preliminar
Claudio Rocha finalizou Rafael Soldado com um mata-leão no 1R
Breno Marinho derrotou Paulo Pizzo por decisão dividida dos jurados
Luís Fernando derrotou Bruno Beirute por decisão unânime dos jurados
Reginaldo Geraldo finalizou João Paulo com um katagatame no 2R
Gustavo Mota derrotou Arthur Mamute por interrupção médica no 3R
Fernando Bad Time derrotou Daniel Canhoto por nocaute técnico no 2R
João Pedro finalizou Samuel Kina com uma chave de braço no 2R (Semipro)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários