Canal Olímpico do Brasil adquire direitos de transmissão dos Jogos Sul-Americanos de Assunção
Lance!
Canal Olímpico do Brasil adquire direitos de transmissão dos Jogos Sul-Americanos de Assunção


O Canal Olímpico do Brasil adquiriu, junto à Organização Desportiva Sul-Americana (ODESUR), os direitos de transmissão dos Jogos Sul-Americanos de Assunção , que acontecem entre os dias 1 e 15 de outubro deste ano. Serão mais de 662 horas de exibição ao vivo do torneio, que contará com grandes nomes do esporte, como Ana Marcela Cunha, campeã mundial e olímpica nas águas abertas, e Isaquias Queiroz, campeão olímpico na canoagem.

+ Adriano Imperador exalta Flamengo e comenta relação com os rubro-negros: 'Me cobram até hoje'

- A transmissão dos Jogos Sul-Americanos Assunção 2022 é um marco importante na evolução do Canal Olímpico do Brasil, uma iniciativa do COB que está democratizando as transmissões das modalidades olímpicas no país. Em pouco mais de um ano e meio de vida, o Canal coleciona momentos marcantes, com um retorno de público impressionante - declarou Paulo Wanderley, presidente do COB.

- Os Jogos Sul-Americanos são uma etapa muito importante na caminhada para a preparação para os Jogos Olímpicos Paris 2024 e o Brasil vai chegar muito forte nessa disputa. Com a transmissão, estamos possibilitando que os fãs acompanhem o desempenho de uma delegação formada por quase 800 pessoas e cerca de 450 atletas, entre eles vários destaques em suas modalidades, ídolos do esporte nacional - completou.

+ Torcedores do Flamengo invadem web e pedem Pedro na Copa do Mundo: 'Artilheiro do hexa'

Criado no fim de 2020 em parceria com a plataforma de streaming NSports, o Canal Olímpico alcançou recentemente a marca de 200 mil cadastrados em sua base de fãs e já registra mais de 250 transmissões desde o início da operação, além de 400 mil horas assistidas, contemplando cerca de 40 modalidades. Camilo Perez, presidente da ODESUR, comemora a parceria com o COB, que levará as emoções da competição para milhares de brasileiros.

- Estou muito feliz que todas as ações dos nossos Jogos chegarão a todos os brasileiros apaixonados pelo esporte e pelo movimento olímpico por meio do Canal Olímpico do Brasil. Na ODESUR trabalhamos em conjunto com os Comitês Olímpicos Nacionais para promover o desenvolvimento esportivo na região - declarou.

+ Torcedores do Flamengo exaltam estreia de Vidal na web após vitória na Ressacada

Em Assunção, o Time Brasil terá a sua maior delegação do ciclo olímpico, com 472 atletas. A expectativa da entidade é voltar a liderar o quadro de medalhas, depois de ter ficado na segunda colocação, atrás da Colômbia, na edição de Cochabamba, realizada na Bolívia, em 2018. Ao todo, os XII Jogos Sul-Americanos terão a participação de mais de 6.800 atletas e oficiais dos 15 países que compõem a ODESUR.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários