Dupla letal do Fluminense participa de mais da metade de gols no ano
Luiza Sá
Dupla letal do Fluminense participa de mais da metade de gols no ano


São nove jogos sem perder para o Fluminense na temporada. A chegada de Fernando Diniz com certeza influenciou nas boas atuações, mas dois jogadores são fundamentais para explicar o 2022 promissor do clube: Germán Cano e Jhon Arias. Autores de dois dos três gols na vitória sobre o Goiás de virada, pelo Brasileirão, os gringos são responsáveis por 56.25% das bolas na rede da equipe até aqui. Ou seja, 45 participações em 80 gols.

Cano soma 28 gols e quatro assistências até o momento, enquanto Arias marcou 10 vezes e deu nove passes decisivos. Essa soma daria 51 no total, mas a sintonia da dupla é tão boa que o argentino deu uma assistência para o colombiano na partida contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, e viu o companheiro retribuir cinco vezes (Flamengo, Oriente Petrolero, Avaí, Cruzeiro e Corinthians).

Além de Arias, Cano já serviu Nonato contra o Volta Redonda, Willian no jogo com o Millonarios e Matheus Martins diante do Ceará. Já o colombiano tem assistências para Calegari (Volta Redonda), Martinelli (Resende), Matheus Martins (Oriente Petrolero) e Manoel (Corinthians). Decisivos, os dois estão entre os estrangeiros que mais marcaram pelo clube no Século XXI. Cano em segundo, com 28, e Arias em quinto, com 11.

Veja a tabela da Série A do Brasileirão

​- O time está tendo um bom momento, uma boa sequência. Temos uma parceria. Somos bem próximos dentro e fora de campo. Hoje (terça) vimos que ele marcou e deu uma assistência para mim. Estou feliz com isso - disse Arias após a vitória sobre o Cruzeiro.

Dos 47 jogos na temporada, os gringos do Flu só não participaram de nenhum lance de gol em 17 deles.

A boa fase dos dois fez o Fluminense se consolidar no G4 do Campeonato Brasileiro e chegar às quartas de final da Copa do Brasil, onde encara o Fortaleza já na semana que vem pelo confronto de ida. Antes disso, o Tricolor entra em campo neste domingo, às 16h, contra o Red Bull Bragantino, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários