Criador relembra surgimento do Favela Kombat MMA e projeta 38ª edição, marcada para domingo (24)
TATAME
Criador relembra surgimento do Favela Kombat MMA e projeta 38ª edição, marcada para domingo (24)


Responsável pela criação do Favela Kombat, em 2012, e à frente do projeto até hoje, Claudio Carvalho mudou o cenário do MMA profissional nas favelas do Rio de Janeiro. Prova disso é que o evento não parou de crescer e, no domingo (24), chega à sua 38ª edição, direto de Nilópolis, na Baixada Fluminense.

Na luta principal do show, o campeão peso-leve Aldo “PQD” Pereira (9v-6d-1e) irá defender seu posto contra Tony Fox (12v-5d). Ao todo, 15 combates estão previstos para o Favela Kombat 38. Em entrevista à TATAME, Claudinho relembrou como tudo começou, em especial após a repercussão de um documentário.

- Eu sempre pratiquei artes marciais. Iniciei em São Gonçalo, depois fui para a Região dos Lagos, e quando retornei para São Gonçalo conheci a academia do mestre Jorge Valente. Ele já tinha um evento, na época chamado Coliseu Arena, e como eu trabalho com produção, acabei me envolvendo e não demorou para virarmos sócios. Tive o prazer de realizar algumas edições, infelizmente a sociedade não foi à frente, mas eu tinha sentido o gostinho e queria fazer mais para fomentar o esporte - disse o criador e produtor do Favela Kombat, que prosseguiu:

- Depois de um tempo, estava jogando videogame em casa com meu filho, o jogo Mortal Kombat, aí vi uma propaganda da Taça das Favelas, de Futebol, e pensei: é isso. Juntei os nomes e surgiu o Favela Kombat. Apresentei a proposta para alguns parceiros e no início fazíamos os eventos dentro das favelas mesmo, mas fomos crescendo e a partir da terceira edição, na Rocinha, junto ao lançamento de um documentário, ganhamos visibilidade.

Com previsão de início para as 18h (horário de Brasília), o Favela Kombat 38 terá transmissão do canal Combate e cobertura especial da TATAME. Animado para a edição, Claudinho agradeceu o apoio de Nilópolis e projetou grandes confrontos.

- A expectativa é de muita porrada. O Rafael Vinicius (matchmaker) é sempre feliz na montagem dos cards, e essa disputa de cinturão (Aldo Pereira x Tony Fox) já está pegando fogo antes mesmo de acontecer. Acho que vai ser mais um evento daqueles, onde se você piscar, perde um nocaute ou uma finalização (risos) - afirmou o organizador, antes de encerrar:

- Queria deixar meu agradecimento ao João Felipe, também produtor de eventos, que teve a iniciativa de fazer uma edição do Favela Kombat na Baixada, pois sentiu uma carência de eventos de MMA profissional na região. Imediatamente ele levou o projeto para o Betinho Batista, secretário de Esporte e Lazer, e o superintendente de Programas Esportivos, Marcelo Leitão, que nos receberam e deram todo o suporte necessário. Assim como o prefeito de Nilópolis, Abraão David Neto, outro amante do esporte - finalizou.

CARD COMPLETO:

Favela Kombat 38
Clube Nilopolitano, em Nilópolis (RJ)
Domingo, 24 de julho de 2022

Card principal

Peso-leve: Aldo “PQD” Pereira x Tony Fox (cinturão)
Peso-meio-médio: Vinicius Cruz x Wallace Negão
Peso-mosca: Thalita Soares x Rayla Nascimento
Peso-pesado: Victor Muralha x André Bebessauro
Peso-casado (63,5kg): Pablo Ativo x Rafael Leleu
Peso-casado (63,5kg): Apolo Gomes x Wellington Neném
peso-meio-médio: Maicon Kobayashi x Wesley Mutante
Peso-galo: João Paulo Santos x Humberto Rangel
Peso-casado (55kg): Yasmin Guimarães x Ruth Ravena
Peso-mosca: Douglas Pulguinha x Nathan PitBull

Card preliminar
Peso-pesado: Marcio Pedra x Leo Chocolate (grappling)
Peso-leve: Willian Baraka x Lucas Costa
Peso-leve: Bruno Ogro x Jeferson Pepey
Peso-pena: Deydivan Madureira x Wallace Itália
Peso-átomo: Isa Araújo x Adriele Castro

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários