Djokovic está na lista US Open e aguarda liberação governamental
TÊNIS NEWS
Djokovic está na lista US Open e aguarda liberação governamental


Tricampeão do US Open, o sérvio Novak Djokovic, 7º da ATP, aparece na lista de inscritos no torneio que será disputado no final de agosto, mas aguarda modificação do sistema migratório dos Estados Unidos para competir.

O sérvio, que recentemente na Bósnia e Herzegovina declarou que desejava competir no último Grand Slam da temporada, mas que desistiria de fazê-lo caso o governo americano seguisse exigindo a apresentação de comprovante de vacinação contra a COVID-19.

Djokovic não é o único tenista profissional não-vacinado contra a COVID-19, mas entre os inscritos na chave masculina é o único que se tem conhecimento da não-vacinação. A ATP informa que 98% do top 100 está completamente vacinado contra a doença.

Sobre o tema, a organização do US Open comentou a respeito dos atletas não-vacinados: "De acordo com o livro de regras do Grand Slam da ITF, todos os jogadores elegíveis são automaticamente inscritos nos campos das chaves principaies de simples masculino e feminino com base na classificação 42 dias antes da primeira segunda-feira do evento", inicia.

"O US Open não tem uma exigência de vacinação para os jogadores, mas respeitará a posição do governo dos EUA em relação às viagens ao país para cidadãos não-americanos não vacinados", completa.

Novak Djokovic está inscrito nos três principais torneios da US Open Series, que inclui os Masters de Montrel e Cincinnati. Segundo o ministro da saúde do Canadá, Jean-Yves Duclos, o sérvio não terá autorização para entrar no país sem apresentar comprovante de vacinação.
A esperança do sérvio é que o governo americano modifique as regras até agosto.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários