América-MG volta a vencer e elimina o Botafogo da Copa do Brasil
Lance!
América-MG volta a vencer e elimina o Botafogo da Copa do Brasil


Classificação com autoridade. O América-MG voltou a vencer o Botafogo na noite desta quinta-feira, superou o rival por 2 a 0, deu fim a qualquer chance de festa da torcida alvinegra no Estádio Nilton Santos e se classificou para as quartas de final da Copa do Brasil. Felipe Azevedo e Pedrinho fizeram os gols.

+ Botafogo aumenta proposta por Martín Ojeda junto ao Godoy Cruz

Agora, o Coelho espera o sorteio para saber quem será o adversário na próxima fase da competição. Enquanto isso, voltará a atuar no próximo domingo contra o Bragantino, às 19h, no Independência, pelo Brasileirão. O Botafogo medirá forças com o Atlético-MG no mesmo dia, mas às 18h, no Estádio Nilton Santos.

CAVICHIOLI APARECE
O Botafogo deu sinais de esperança. Empurrado pela torcida, o time pressionou e o começo foi animador, com a equipe indo para cima e colocando sufoco no América. Mas logo um candidato a herói apareceu: Matheus Cavichioli.

O goleiro fez duas grandes defesas - incluindo uma no ângulo - em chutes de Lucas Fernandes para evitar o que seria um gol do Botafogo ainda nos primeiros minutos da partida.

TRAVA NA REMONTADA
​O Botafogo que pressionava, mas o América que sorriu. Em jogada puxada por Henrique Almeida, o atacante tabelou com Pedrinho e cruzou na medida para Felipe Azevedo abrir o placar, aumentando ainda mais a vantagem do Coelho.

A torcida, que até então gastava pulmões para apoiar o time, desanimou. O agitado primeiro tempo ficou sem emoção e o América foi para o intervalo com uma grande vantagem.

É O COELHO!
​O cenário ficou ainda pior para o Botafogo. O América passou a adotar contra-ataques e um deles virou o segundo gol. Matheusinho encontrou Pedrinho, que passou com facilidade pela defesa do Alvinegro e finalizou no canto de Gatito Fernández.

O Botafogo até tentou pressionar no fim do jogo, mas voltou a parar em Cavichioli, um dos nomes da partida. No fim, a festa no Rio de Janeiro foi do Coelho, com uma classificação para não deixar dúvidas.

FICHA TÉCNICA
Local : Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)
Data e horário : 14/07/2022, às 21h
Árbitro : Bráulio da Silva Machado (FIFA) (SC)
Auxiliares : Kleber Lucio Gil (FIFA) (SC) e Alex dos Santos (SC)
VAR : Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC)
Gramado : Bom
Público e renda : 13.862 presentes / R$ 240.540
Cartões amarelos : Erison, Joel Carli e Tchê Tchê (BOT); Patric e Danilo Avelar (AME)
Cartões vermelhos : -

Gols : Felipe Azevedo (0-1, 22'/1ºT); Pedrinho (0-2, 16'/2ºT)

BOTAFOGO : Gatito Fernández; Saravia, Carli (Philipe Sampaio/Intervalo), Kanu, Hugo (DG 30'/2ºT); Patrick de Paula (Matheus Nascimento 27'/1ºT), Tchê Tchê (Del Piage 25'/2ºT); Gustavo Sauer (Jeffinho/Intervalo), Lucas Fernandes, Vinícius Lopes; Erison. Técnico: Luís Castro.

AMÉRICA-MG : Matheus Cavichioli; Patric (Raúl Cáceres 21'/2ºT), Luan Patrick, Éder, Danilo Avelar (Marlon Lopes 21'/2ºT); Lucas Kal, Juninho, Matheusinho; Felipe Azevedo (Índio Ramírez 21'/2ºT), Henrique Almeida (Conti 28'/2ºT), Pedrinho (Aloísio 21'/2ºT). Técnico: Vágner Mancini.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários