Com ampla vantagem, Fluminense vence o Cruzeiro e avança para as quartas de final da Copa do Brasil
Lance!
Com ampla vantagem, Fluminense vence o Cruzeiro e avança para as quartas de final da Copa do Brasil


A terça-feira terminou bem para o Tricolor, que conquistou a vaga para as quartas de final da Copa do Brasil. No Mineirão, o Fluminense venceu o Cruzeiro por 3 a 0, no jogo de volta das oitavas de final da competição. Após um primeiro tempo sem gols, mas com a expulsão de Paulo Pezzolano, Jhon Arias abriu o placar na segunda etapa. Já nos minutos finais da partida, Cano e Nathan completaram para o Flu.

Arias abriu o placar para o Flu (Foto: GILSON JUNIOR/ Lancepress)

Com o resultado, o placar agregado ficou em 5 a 1, contando com a vitória do Fluminense por 2 a 1 no Maracanã, pelo jogo de ida. Assim, o Tricolor avança para as quartas de final da Copa do Brasil. O sorteio da próxima etapa ocorrerá no fim de junho, e os jogos de ida serão disputados nos dias 27 e 28 de julho.

PRESSÃO E LESÃO
A partida começou agitada no Mineirão. Nos primeiros minutos, Jhon Arias recebeu de Matheus Martins e finalizou, mas a bola foi para fora. No lance, Willian Oliveira caiu em um movimento defensivo e machucou o ombro. O meia foi atendido, tentou voltar mas não conseguiu. Assim, o Cruzeiro acionou Pedro Castro e fez a primeira substituição da noite.

CARTÃO VERMELHO
Ainda no primeiro tempo, o trio de ataque do Flu arriscou finalizações, mas não levou perigo. Depois, Edu chutou na meta de Fábio, mas o arqueiro fez boa defesa. O Cruzeiro cresceu e conseguiu escanteios, mas não aproveitou as chances. Na reta final, o Tricolor voltou a dominar o jogo. Nos últimos minutos, Pezzolano foi expulso por reclamação. O técnico ficou indignado com uma suposta falta não marcada. Depois da decisão, tentou discutir com o árbitro.

Veja a tabela da Copa do Brasil

LÁ E CÁ
A segunda etapa começou com pressão do Cruzeiro. No primeiro minuto de jogo, a equipe teve dois escanteios a seu favor. Bidu finalizou cruzado, mas falhou na mira. Na sequência, Cano chegou a arriscar de fora da área e sofreu o corte. Edu esticou para Luvannor, que lançou uma bomba agarrada por Fábio.

GOL
Na metade do segundo tempo, Jhon Arias recebeu passe de Cano livre na área, deu uma cavadinha por cima do goleiro e abriu o placar da decisão para o Fluminense. No lance seguinte, Waguininho teve boa chance para igualar, mas Fábio fez boa defesa mais uma vez. Aos 39 do segundo tempo, Cano recebeu um cruzamento e bateu cruzado de primeira para marcar o segundo do Tricolor. Nos acréscimos, Nathan driblou a defesa e fez o terceiro gol da partida.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 X 3 FLUMINENSE


Data/Hora: 12/07/2022, às 21h
Local: Mineirão (MG)
Árbitro : Raphael Claus (FIFA-SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA-SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
Árbitro de vídeo: Daiane Caroline Muniz dos Santos (FIFA-SP)

Gols: Jhon Arias (24'2T), Cano (39'2T) e Nathan (47'/2T)
Cartões amarelos: Adriano (40'1T), Filipe Machado (44'1T), André (47'1T), Manoel (34'2T), Rafa Silva (34'2T)
Cartões vermelhos: Pezzolano (43'1T)

Cruzeiro (Técnico: Paulo Pezzolano)
Rafael Cabral; Léo Pais (Rafa Silva/32'2T), L. Oliveira, Eduardo Brock e Bidu; Willian Oliveira (Pedro Castro/06'1T), Adriano (Rômulo/21'2T), Filipe Machado; Luvannor, Vítor Leque (Waguininho/21'2T) e Edu (Daniel Jr./32'T).

FLUMINENSE (Técnico: Fernando Diniz)
Fábio; Samuel Xavier (David Duarte/40'2T), Nino, Manoel, Caio Paulista; André, Nonato (Martinelli/05'2T), PH Ganso (Felipe Melo/32'2T); Matheus Martins (Nathan/40'2T), Jhon Arias e Cano (Alexandre Jesus/40'2T).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários